quarta-feira, 20 de junho de 2012

Carlos César: podemos estar orgulhosos da rede de apoio social que temos implementado


Ao presidir à cerimónia de inauguração das obras de ampliação do Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa – uma obra que rondou os 900 mil euros – Carlos César considerou que é com investimentos como aquele que os Açores conseguem garantir um bom nível de cuidados aos idosos.

O Presidente do Governo dos Açores sublinhou mesmo que, no caso particular da ilha Graciosa, a taxa de cobertura situa-se nos 9%, quando a OCDE definiu que a taxa de referência de cobertura para lares de idosos é de 4%.

Para Carlos César “isso significa que estamos bem do ponto de vista da taxa de cobertura e estamos muito bem do ponto de vista da qualidade das infraestruturas que servem este serviço.”

Por isso, adverte que os Açores atingiram um nível de prestação de serviços sociais que os açorianos não podem permitir que tenha recuos, o que, na sua opinião, aconteceria se se adotassem “políticas de restrição orçamental que cortam onde não devem cortar e que não cortam onde é possível fazê-lo sem prejuízo para a coesão e a assistência social aos cidadãos.”

Sublinhando ser bom saber-se que estes bons resultados só têm sido possíveis porque o Governo tem adotado como parceiros, na prestação de todos estes serviços e em todos os lugares, instituições privadas e de solidariedade social, como, por exemplo, as misericórdias, defendeu que essa parceria deve ser indestrutível.

“Não há uma única instituição pública que preste um apoio direto aos cidadãos na área social, mas todas as instituições privadas e de solidariedade social são, na sua despesa, esmagadoramente apoiadas pelo orçamento da região”, disse Carlos César.

“Temos por isso de compreender que, quando se fala que há muitos milhões pelos Açores, há muitos milhões bem gastos pelos Açores fora e alguns desses milhões são, justamente, na área social, onde podemos e devemos estar orgulhosos do trabalho e da rede social que temos implementado”, concluiu.


O Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa, agora remodelado, passa a dispor de capacidade para quarenta utentes e integra-se num conjunto de dezassete valências de apoio social que abrangem, naquela ilha, um total de 667 pessoas, sendo que todos esses serviços recebem um apoio anual do Governo que ascende a um milhão de euros.



Anexos:
2012.06.20-PGR-InauguraçãoLarIdososGraciosa.mp3


GaCS
Publicado por: Jorge Gonçalves

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado pelo vosso comentário