quinta-feira, 11 de março de 2010

Governo comparticipa Comissão Vitivinícola Regional dos Açores



O executivo açoriano concedeu à Comissão Vitivinícola Regional dos Açores um apoio financeiro, no valor de 46.000 euros, com vista a “fortalecer a sua capacidade de assistência técnica nas vertentes da promoção e da divulgação”.


Com esta comparticipação, atribuída por portaria do secretário regional da Agricultura e Florestas, o Governo pretende ainda consolidar a ajuda àquela comissão nas “áreas técnicas da sanidade vegetal associada à cultura, e da gestão do cadastro vitícola, observando a realização das suas atribuições”.


O apoio à Comissão Vitivinícola Regional dos Açores é justificado pelo Governo com o facto daquela comissão ter um “papel de agente zelador do prestígio das indicações de proveniência regulamentada no mercado regional, nacional e estrangeiro, combatendo a sua utilização indevida”.


A comissão vitivinícola tem também a “incumbência de representar e defender o interesse das indicações de proveniência regulamentada, bem como a promoção e divulgação dos produtos vínicos da Região ao seu mais elevado nível”, alega ainda Noé Rodrigues naquela portaria, hoje publicada em Jornal Oficial.


Sedeada na Vila da Madalena, na ilha do Pico, a Comissão Vitivinícola Regional dos Açores é uma associação privada, sem fins lucrativos, que foi fundada em 5 de Setembro de 1995.


O seu objectivo é garantir a genuinidade e a qualidade dos vinhos de indicação de proveniência regulamentada dos “Biscoitos”, “Pico” e “Graciosa”, bem como do vinho “Regional Açores”.


GaCS/FG

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado pelo vosso comentário