terça-feira, 24 de novembro de 2009

Empresários defendem turismo de congressos




Até ao último verão era difícil organizar eventos na Graciosa com a participação de uma centena de pessoas, devido à falta de espaço nas unidades hoteleiras.

A situação alterou-se com a abertura do hotel. Os empresários do sector reclamam agora a organização de encontros e congressos, precisamente, para viabilizar o investimento realizado na ilha.

Foi também a pensar nisto que a organização da II Bienal de Turismo Subaquático dos Açores mudou a realização do evento para a época baixa. A primeira edição, realizada em Setembro de 2007, não obteve os resultados desta última.

Entretanto, dados do Serviço Regional de Estatísticas dos Açores (SREA), revelam que o número de dormidas na hotelaria tradicional baixou 3,6% na Graciosa. Em análise está o período de Janeiro a Setembro de 2009, comparado com igual período do ano anterior.

A contribuir para esta redução estão os meses de Fevereiro e Abril. Porém, verificou-se um aumento do número de dormidas nos meses de Julho (1,2%) e, mais significativo, de Agosto (38%), em relação aos meses homólogos de 2008.

O número de passageiros que desembarcaram no Aeródromo da Graciosa também aumentou 0,6%, de Janeiro a Setembro de 2009, em relação a igual período do ano anterior. Segundo o SRAE, desembarcaram este ano 14.674 passageiros enquanto, em 2008, tinham aportado a esta ilha 14.592 passageiros.


por: Luís Costa


Fonte: RTP

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado pelo vosso comentário