quarta-feira, 20 de abril de 2011

Na Graciosa com X Gala do Desporto Açoriano



A Secretária Regional da Educação e Formação assegura que o Governo dos Açores assume “o compromisso público de continuarmos a reconhecer a importância do desporto para os Açorianos”.

Palavras de Cláudia Cardoso, no discurso proferido na Graciosa, onde decorreu a X Gala do Desporto Açoriano.

A governante salientou que o Governo continuará a apostar na construção de instalações desportivas escolares de qualidade “que cumpram a função de estarem, simultaneamente, ao serviço da população, quer para o desenvolvimento desportivo, quer como promotoras da actividade física”, mantendo a aposta “séria na prática desportiva dos mais jovens, apesar de termos já as taxas de participação mais elevadas do País”.

Para Cláudia Cardoso, ”ao concentrar esforços nos jovens asseguramos o futuro”.

A Secretária da tutela salientou ainda a continuidade da aposta no Desporto como um “importante factor de coesão e de promoção da qualidade de vida dos cidadãos”.

Em tempo de austeridade, a governante deixou ainda uma mensagem aos clubes e associações desportivas. Cláudia Cardoso alertou para a necessidade de “ter uma férrea consciência do limite das nossas possibilidades”, sendo “dever de cada clube, de cada equipa, encontrar os patamares de sucesso adequados às suas reais possibilidades”.

Da parte do Governo, disse, “podem continuar a contar com a aplicação do princípio da equidade, deixando à capacidade dos clubes a sua diferenciação”.

A Secretária da Educação garante que o Governo será no entanto “cada vez mais” rigoroso com todos aqueles que “escolhem trilhar o caminho do desperdício”.

Para Cláudia Cardoso, para além dos troféus e resultados obtidos, a grandeza do Desporto está também na capacidade de “possibilitar também níveis e expressões adaptadas a todos, como é o que se verifica no caso da actividade dos cidadãos portadores de deficiência, e hoje os Açores podem ter orgulho dos resultados que o projecto específico de apoio lançado há 8 anos pelo Governo produziu”.

Actualmente, disse a governante, existem “actividades especificamente adaptadas que contribuem para a integração plena que se exige e que permitem também a expressão das capacidades de cada um” em quase todas as ilhas, salientando o “redobrado orgulho” com que “os Açores acolheram a primeira atleta com o título de Campeã do Mundo”. Um título que “honra a Região e dá bem nota do trabalho produzido” no Arquipélago.



GaCS/HB

Publicado por: Jorge Gonçalves

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado pelo vosso comentário