quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Açores desenvolvem projetos estruturantes na Graciosa na área da climatologia


Os Secretários Regionais da Presidência, André Bradford, e da Ciência, Tecnologia e Equipamentos, José Contente, receberam hoje, em audiência, o promotor do projeto de instalação da Estação para Medição da Radiação Atmosférica (ARM), na ilha Graciosa, do Departamento de Energia do Governo dos EUA.



Após o encontro, José Contente referiu a satisfação do Governo Regional pelo facto da estação móvel do projeto ARM passar a definitiva, uma mais-valia para a ilha Graciosa e também para a Universidade dos Açores. O governante realçou que a partir do trabalho que tem vindo a ser feito pelo professor Brito de Azevedo, “se possa alargar mais a investigação, a pesquisa e a recolha de dados científicos no domínio da climatologia”.


De acordo com o Secretário Regional da Presidência, espera-se que no verão de 2013 o processo de instalação e operacionalidade da estação fixa este concluído.


“O Governo dos Açores só tem que estar satisfeito por mais este projeto estruturante e pelas oportunidades científicas com impacto na Região, neste caso na Graciosa, um processo que resulta da boa relação dos Açores com os EUA”, acrescentou o Secretário Regional da Ciência, Tecnologia e Equipamentos.


José Contente sublinhou que este é um investimento de 14 milhões de dólares, suportado pelos EUA e com a comparticipação do Governo dos Açores e da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, através das infraestruturas terrestres. O projeto poderá incluir ainda a construção de edifício contíguo à estação e que funcionará como um centro de divulgação e receção de investigadores e cientistas que visitem a estação.


O governante relembrou que a Graciosa, para além da estação que é operada remotamente para a deteção de ensaios nucleares, dará agora continuidade ao projeto ARM e na área da climatologia há um outro projeto em desenvolvimento, o SuperDarn, que integra os Açores na Rede Internacional de Radares para o Estudo da Atmosfera Superior da Terra, projetos que José Contente considera “estruturantes” para os Açores e, defende, “está a nascer um polo de investigação importante na área da climatologia”.



GaCS

Publicado por: Jorge Gonçalves

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado pelo vosso comentário