quarta-feira, 12 de agosto de 2009


O PSD da Graciosa denunciou hoje os "graves prejuízos" causados à economia da ilha pela actual operação de transporte marítimo de passageiros no arquipélago dos Açores, considerando que esta ilha "nunca foi tão prejudicada".


"Nunca a Graciosa foi tão prejudicada pela política de transportes marítimos de passageiros. Se, em anos anteriores, foi sendo prejudicada, este ano supera os piores prognósticos jamais feitos", refere um comunicado da Comissão Política do PSD local.


O documento salienta que a operação deste ano "veio demonstrar a total incapacidade e a completa incompetência para levar por diante uma boa ideia".


Os social-democratas recordam os casos de passageiros que não são avisados sobre alterações da hora de partida dos navios, de mudanças "incompreensíveis" de rotas e horários e denunciam a falta de ligações à Graciosa por ocasião das festas da ilha.


"Nem há 30 anos se demorava tanto tempo para chegar à Graciosa", refere o PSD, denunciando "os graves prejuízos" que estes problemas provocam na "imagem do destino Graciosa".


Nesse sentido, conclui o PSD que "a grande maioria dos açorianos estão impedidos de viajar para a Graciosa e a Graciosa está a ser impedida de se afirmar como ilha com vocação turística".


Fonte: Expresso

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado pelo vosso comentário