quinta-feira, 10 de julho de 2014

Governo insiste num posto de farmácia na Graciosa

O governo regional apresentou no Tribunal Administrativo de Ponta Delgada uma resolução fundamentada para garantir a abertura de um posto de farmácia na ilha Graciosa.

O Tribunal deu há dias seguimento a uma providência cautelar da proprietária da única farmácia da ilha, visando impedir a abertura do posto.

Agora, o governo contra-ataca, insistindo no interesse público do processo, e o o tribunal terá quinze dias para decidir.

O facto de faltarem medicamentos na atual farmácia da ilha levou o executivo regional a abrir concurso para a instalação de uma outra farmácia e a autorizar a abertura de um posto farmaceutico.

O concurso para a nova farmácia foi ganho pelos proprietárias da atual.




Fonte: RTP Açores

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigado pelo vosso comentário