segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Governo dos Açores distribui “Kit Autonómico”



Está já a ser distribuído, por correio, a todos os lares da Região, um “Kit Autonómico”, criado pelo Governo dos Açores com o objectivo de promover, junto da população, um maior conhecimento dos símbolos regionais.

O referido “kit” contém um livro, profusamente ilustrado, com a explicação detalhada de todas as insígnias honoríficas açorianas, uma bandeira dos Açores, em pano, dois autocolantes com o pendão regional, um CD com o hino da Região – cantado pelo Grupo Coral de S. José, com a banda Militar dos Açores, e em cuja capa está impressa a respectiva letra –, e ainda uma carta do presidente do Governo Regional.

Na sua mensagem aos açorianos, Carlos César recorda que “a nossa Autonomia, fundada em aspirações seculares de autogoverno e largamente apoiada pelo Povo Açoriano, inclui um conjunto de elementos representativos que acentuam a nossa identificação cultural e a nossa individualidade institucional”.

Por isso, conclui o presidente do Governo, “temos o dever de promover e respeitar os nossos símbolos. A divulgação que agora fazemos da nossa Bandeira e do nosso Hino pretende, exactamente, contribuir para um melhor conhecimento desses elementos referenciadores da nossa vida colectiva enquanto Região”.


GaCS/CT

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

A todos os Cidadãos Americanos residentes na Ilha Graciosa



Jeanette Rébert, Chefe da Secção Consular do Consulado Americano em Ponta Delgada, pede para informar que estará na Ilha Graciosa em serviço consular e registo para as eleições americanas na próxima Quinta-feira, dia 28 de Agosto, das 12h00 às 14h00 no Centro Cultural da Graciosa.

Para votar nas eleições presidenciais em Novembro, traga o seu passaporte, número do Social Security e a sua última morada nos Estados Unidos.
Contactos: Consulado Americano
Avenida Príncipe de Mónaco, 6-2º Dto. 9500-237 Ponta Delgada, São Miguel, Açores.
Tel. 296-282-216 / Emergências 917-518-067
Fax 296-287-216

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Graciosa vai ter estação científica internacional para o estudo do clima





O Governo dos Açores está a negociar com entidades dos Estados Unidos o estabelecimento de uma parceria para a instalação, na ilha Graciosa, de uma estação internacional para estudo o clima.

O assunto constituiu tema de uma recente reunião, em Ponta Delgada, entre o director regional da Ciência e Tecnologia, João Luísa Garpar, e a cônsul dos EUA nos Açores na Região, Jean Manes.

A iniciativa enquadra-se no Programa Atmospheric Radiation Measurement (ARM), implementado pelo Departamento de Energia dos Estados Unidos da América em 1990 com o objectivo de estudar o impacto das radiações e das nuvens nos modelos climáticos.

O ARM inclui uma componente essencialmente dirigida à investigação e outra para a área das infra-estruturas, permitindo a obtenção de dados e o acesso a tecnologias de grande interesse para a comunidade científica especializada na concepção e desenvolvimento de modelos climáticos às escalas global e regional.

A Universidade dos Açores, através do Centro de Climatologia, Meteorologia e Mudanças Globais e o Instituto de Meteorologia são os parceiros científicos a considerar neste projecto que conta já com a colaboração de numerosas instituições internacionais.

A colocação de uma estação de observação climática na Graciosa segue-se à decisão da instalação, também nesta ilha, da estação internacional do CTBTO, destinada a monitorizar a realização de ensaios nucleares, à implantação do Observatório Internacional PICO-NARE, no Pico, e à entrada em funcionamento da estação de rastreio de satélites da Agência Espacial Europeia (ESA de Santa Maria, reforçando a estratégia do Governo em garantir o posicionamento de infra-estruturas científicas de interesse internacional nos Açores.

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Festas do Senhor Santo Cristo 2008


Festas do Senhor Santo Cristo 2008

Ilha Graciosa, Açores


Procissões, Festival Taurino, Festival de Música, Filarmónicas, Música Popular, Touradas à Corda, Exposições, Arraial, Provas Desportivas, Fogo de Artifício etc. etc. etc.



terça-feira, 5 de agosto de 2008

Governo associa-se a homenagem ao padre Simões Borges



O secretário regional da Habitação e Equipamentos presidiu, domingo, à cerimónia de homenagem ao padre José Simões Borges, destacando o serviço prestado à Graciosa por este religioso de 80 anos que classificou de “cidadão honorário dos Açores”.

Natural do Cabo da Praia, Terceira, o padre Simões Borges desempenha funções religiosas na Graciosa desde há 44, assumindo especial relevo a sua acção no domínio cultural.

O padre Simões Borges sobressai como homem ao serviço da comunidade, um exemplo de vida e de entrega à sociedade, considerou José Contente numa cerimónia na Igreja Paroquial da Guadalupe, onde foi descerrado um busto em sua homenagem e para cuja implantação o Governo contribui com cinco mil euros.

O governante sublinhou o facto de aquele religioso ser responsável pela fundação das quatro bandas filarmónicas da ilha, encontrando-se, também, na génese da criação da Lira Açoriana.

Foi, ainda, impulsionador do Grupo Folclórico Graciosense, colaborador do programa da rádio pública “Manhãs de Sábado”, “um embaixador da cultura popular açoriana, cuja actividade se estendeu também aos EUA”, acrescentou.


Fonte: GaCS

Governo assinou contrato para a requalificação do lugar da Beira-Mar da Vitória na Graciosa



A Secretaria Regional da Habitação e Equipamentos assinou o contrato para a empreitada de construção do arranjo urbanístico do lugar da Beira-Mar da Vitória, na freguesia da Guadalupe, ilha Graciosa.

A intervenção, orçada em 300 mil euros e com um prazo de execução de seis meses, integra trabalhos ao nível de pavimentação, drenagem, criação de espaços verdes, bancos em betão, sinalização e iluminação pública., incluindo-se na reforma da rede viária que o Executivo Açoriano tem incrementado na actual legislatura.

A Beira-Mar da Vitória é palco de festas religiosas e profanas que reúnem, anualmente, grande parte da população da Graciosa.


Fonte: GaCS

domingo, 3 de agosto de 2008

"Ilha Azul" suspende ligação marítima Terceira/Graciosa


Passageiros queixam-se de falta de informações por parte da empresa Atlânticoline

Passageiros com bilhetes para a viagem marítima, deste domingo, entre as ilhas Terceira e Graciosa foram confrontados, já no porto da Praia da Vitória, com o seu cancelamento e queixam-se de falta de explicações por parte da empresa.

Um dos passageiros relatou à agência Lusa que só quando cerca de «cem pessoas» chegaram ao porto da ilha Terceira «foram confrontados com a situação de que não havia viagem».

Fernando Rui adiantou que não existia «um único representante» da empresa Atlânticoline no porto da Praia da Vitória, de modo a disponibilizar informações aos passageiros.

Segundo disse, trata-se de um transtorno para muitos passageiros, que «tinham a sua vida organizada», alguns dos quais necessitavam de estar segunda-feira na Graciosa para trabalhar.

Disse ainda que tinha adquirido, na sexta-feira, seis bilhetes para a viagem do navio «Ilha Azul» que deveria ter começado, este domingo, às 14h15 locais, 15h15 de Lisboa.

A Lusa tentou, por várias vezes, contactar o serviço de apoio ao cliente da empresa que assegura o transporte marítimo de passageiros e viaturas, mas sem sucesso.

Fonte da notícia: IOL Diário