sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Obra no caminho Jorge Nunes no valor de 370 mil euros beneficia 130 explorações na Graciosa

O Governo dos Açores, através da IROA, adjudicou a empreitada de construção e beneficiação do caminho Jorge Nunes, no Perímetro de Ordenamento Agrário de Santa Cruz/Guadalupe, na ilha Graciosa, à empresa Domusplanet, S.A., pelo valor de cerca de 370 mil euros.

Esta obra, com um prazo de execução de 210 dias, assume uma significativa importância para a atividade agropecuária naquela ilha, beneficiando cerca de 130 explorações, numa área de 1.300 hectares.

A empreitada, inscrita da Carta Regional das Obras Públicas, prevê a construção e beneficiação do caminho agrícola secundário, numa extensão de 1.014 metros, além da rede de abastecimento de água e ramais.

Esta obra insere-se nas políticas do Executivo Açoriano desenvolvidas através da Secretaria Regional da Agricultura e Ambiente com o objetivo de contribuir para a redução dos custos das explorações e para a melhoria dos rendimentos e da qualidade de trabalho dos profissionais do setor.



GaCS
Publicado por: George Correia

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Governo dos Açores abre concurso público internacional para a construção do Matadouro da Graciosa

A Secretaria Regional da Agricultura e Ambiente, através do Instituto de Alimentação e Mercados Agrícolas (IAMA), abriu um concurso público internacional para a construção do novo Matadouro da Graciosa, pelo preço base de 5,45 milhões de euros.

O anúncio do concurso da empreitada, publicado hoje em Diário da República, prevê um prazo de execução de 18 meses.

A nova unidade privilegia, além do processo de abate, a preparação de carcaças, contemplando ainda uma sala de desmancha, uma estação de tratamento de águas residuais e uma unidade de preparação e acondicionamento de subprodutos e despojos.

Este concurso dá cumprimento ao compromisso de dotar todas as ilhas dos Açores com infraestruturas que permitem fortalecer a fileira da carne, que corresponde na atual legislatura a um investimento público de cerca de 15 milhões de euros na Rede Regional de Abate.

A construção dos novos matadouros no Faial e na Graciosa e as obras de beneficiação nos matadouros de S. Miguel e da Terceira inserem-se nas políticas de dinamização da capacidade de exportação da Região, através da consolidação de estruturas de receção de animais, abate, preparação e valorização dos produtos da fileira da carne.



GaCS
Publicado por: George Correia

Museu de Angra do Heroísmo expõe "Memórias da Graciosa"

A Direção Regional da Cultura, através dos museus de Angra do Heroísmo e da Graciosa, inaugura sexta-feira, 19 de fevereiro, pelas 21h00, uma exposição intitulada "Memórias da Graciosa".

Esta exposição, que ficará patente no auditório do Museu de Angra do Heroísmo até 5 de março, integra um conjunto de fotografias das quatro freguesias da ilha Graciosa, pertença de vários graciosenses, a maioria delas inéditas e muito pouco conhecidas do público, que recordam obras emblemáticas e personalidades de destacada reputação nacional.

Com esta mostra pretende-se resgatar para as novas gerações valores, saberes, costumes e outros acontecimentos da memória coletiva local, num conjunto que consubstancia o caráter, a sabedoria de vida e a história do povo graciosense.

Na inauguração da exposição, o diretor do Museu da Graciosa, Jorge Cunha, apresentará uma comunicação subordinada ao tema "Memórias e Vivências da Ilha Graciosa", abordando o valor documental do acervo fotográfico apresentado, em termos de património coletivo da sociedade graciosense.

Esta iniciativa tem como parceiro a Casa da Ilha Graciosa na Terceira, que terá a seu cargo a animação da noite e promoverá uma sessão de angariação dos primeiros sócios da associação.

A Direção Regional da Cultura informa que este e outros eventos estão disponíveis para consulta na Agenda Cultural do Portal CulturAçores, no endereço eletrónico www.culturacores.azores.gov.pt.



GaCS

Publicado por: George Correia