sábado, 26 de setembro de 2015

Dom João Evangelista Pimentel Lavrador é o novo Bispo dos Açores

NOVO BISPO DOS AÇORES
DOM JOÃO EVANGELISTA PIMENTEL LAVRADOR

Síntese:
Nascimento: 18/Fev/56, em Seixo de Mira, Concelho de Mira, Distrito de Coimbra
Ordenação Presbiteral: 14/Jun/81, na Sé Nova de Coimbra
Nomeação Episcopal: 07/Mai/08, para Bispo Auxiliar do Porto
Ordenação Episcopal: 29/Jun/08, na Sé Nova de Coimbra
Endereço:
Casa Episcopal - Terreiro da Sé - 4050-573 PORTO
Tel.: 223 392 330 - Fax: 223 392 331
E-mail: domjoaolavrador@diocese-porto.pt
Formação e funções académicas:
Em 1967 entrou no Seminário de Buarcos e, no ano seguinte, no Seminário Menor da Figueira da Foz, frequentando as aulas no Liceu da Figueira da Foz.
Em 1972 transitou para o Seminário Maior de Coimbra, completando os estudos liceais em 1974, prestado provas de exame no Liceu Dom Duarte em Coimbra.
Entre 1974 e 1980 frequentou o Instituto Superior de Estudos Teológicos, terminando o curso de teologia em 1980. Fez parte, como aluno, da Comissão Directiva do ISET, durante vários mandatos.
Entre 1980 e 1984 colaborou na vida pastoral da paróquia de Pombal, ajudando o respectivo pároco. Durante este período, leccionou nas Escolas Preparatória e Secundária de Pombal a disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica.
Foi ordenado presbítero a 14 de Junho de 1981, na Sé Nova de Coimbra.
Entre 1984 e 1988 foi responsável pelo Secretariado Diocesano da Pastoral Juvenil e Assistente Regional do CNE. Durante este período, leccionou, na Escola Normal de Educadores de Infância de Coimbra, a disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica.
Entre 1988 e 1990 frequentou a Universidade Pontifícia de Salamanca, terminando a sua licenciatura canónica na área da Teologia Dogmática com a apresentação da Dissertação «O Laicado no Magistério dos Bispos Portugueses, a partir do Vaticano II».
Em 1991 fez o currilum escolar para o doutoramento, cujo grau obteve em 1993, apresentando e defendendo a tese «Pensamento Teológico de D. Miguel da Annunciação –Bispo de Coimbra (1741 – 1779) e renovador da Diocese».
Desde 1991 tem vindo a leccionar no ISET de Coimbra teologia dogmática.
Serviços pastorais que desempenhava por ocasião da nomeação episcopal:
Desde 1990, em vários mandatos, desempenha as funções de Secretário do Conselho Presbiteral.
Em 1991 foi nomeado Reitor do Seminário Maior de Coimbra, cargo que ocupou até 1997.
Entre 1993 e 1999 desempenhou o cargo de Secretário Geral do Sínodo Diocesano de Coimbra.
Em 1997 é nomeado Pró-Vigário Geral da Diocese de Coimbra e membro do Conselho Episcopal Diocesano
Em 1998 é nomeado Director do Instituto Universitário Justiça e Paz e Coordenador da Pastoral do Ensino Superior.
Em 2001, com a reactivação do Centro Académico de Democracia Cristã (CADC), é nomeado seu assistente eclesiástico.
Em 1998 é nomeado capelão do Carmelo de Santa Teresa de Coimbra.
Em 1999 é nomeado Cónego da Sé de Coimbra e do Colégio de Consultores.
Desde 1999 desempenha as funções de Secretário da Comissão Episcopal das Comunicações Sociais, cuja Comissão, a partir de 2005, se denomina de Comissão Episcopal da Cultura, dos Bens Culturais e das Comunicações Sociais.



Publicado por: George Correia

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Colóquio da Lusofonia arranca hoje na Ilha Graciosa

O colóquio, que se realiza este ano pela primeira vez na Graciosa, tinha como convidado especial Valter Hugo Mãe, mas por "motivos de saúde" o escritor vai estar ausente do encontro, disse à Lusa o presidente da AICL, Chrys Chrystello.

O encontro volta a contar com Ximenes Belo, prémio Nobel da Paz, que em 2005 e 2013 já tinha marcado presença, realizando-se hoje uma sessão especial na Escola Secundária da Graciosa, para a qual foram convidadas várias personalidades - para "uma interligação entre académicos, escritores e professores e alunos" - e onde serão abordados temas como Lusofonia e Língua Portuguesa, Açorianidades e Tradutologia.

Vão estar representadas 18 regiões de Portugal, Alemanha, Angola, Austrália, Brasil, Cabo Verde, Canadá, Estados Unidos da América, Espanha, Luxemburgo, Macau, Moçambique e Timor.

O programa prevê também a presença da diretora executiva do Instituto Internacional da Língua Portuguesa (IILP/CPLP), Marisa Mendonça, de autores açorianos, como Álamo Oliveira, Brites Araújo, Norberto Ávila, Susana Margarido e Victor Rui Dores.

Além das sessões científicas, haverá recitais de poesia, do Cancioneiro Açoriano e de poetas açorianos e serão recriados recitais de piano que se realizavam no século passado, nas residências na Graciosa.

Os Colóquios da Lusofonia, que decorreram pela primeira vez no Porto, já passaram por Bragança (durante nove anos), Macau, Brasil e Galiza (Espanha). Realizam-se nos Açores desde 2006.

A iniciativa tem como patronos dois linguistas - o português Malaca Casteleiro e o brasileiro Evanildo Bechara.




Fonte: noticiasaominuto.com

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Escritores contemporâneos em destaque no 24.º Colóquio da Lusofonia, este ano na Ilha Graciosa, de 24 a 27 de Setembro de 2015

O 24.º Colóquio da Lusofonia, que se realiza este ano pela primeira vez na Graciosa, nos Açores, pretende "inovar" e vai dar voz a novos autores contemporâneos portugueses e divulgar a literatura de matriz açoriana.

"Continuamos a conseguir fazer dois colóquios, um nos Açores e outro no exterior, apesar da crise desde 2008, e sentimo-nos muito gratos por termos conseguido chegar à 24.ª edição, coisa que nunca imaginámos que seria possível quando começámos este projeto totalmente diferente de tudo o que se fazia em Portugal na altura", afirmou o presidente da Associação Internacional dos Colóquios da Lusofonia (AICL), Chrys Chrystello, em declarações à Lusa.

Santa Cruz, na ilha Graciosa, acolhe entre 24 e 27 de setembro o evento, que ostenta "pela primeira vez a logomarca Açores", segundo Chrys Chrystello.
O presidente da AICL disse que a 24.ª edição terá como convidado especial o escritor Valter Hugo Mãe, além de Ximenes Belo, prémio Nobel da Paz, que "já esteve duas vezes no colóquio - em 2005 e 2013" - e regressa "porque está a fazer um trabalho que se coaduna com um de três projetos permanentes que existem nos colóquios", sobre a importância dos missionários açorianos no Oriente, em Macau e em Timor.
A iniciativa vai contar também com a diretora executiva do Instituto Internacional da Língua Portuguesa (IILP/CPLP), Marisa Mendonça.
Chrys Chrystello disse que a presença de Valter Hugo Mãe pretende "dar voz aos novos autores consagrados contemporâneos portugueses" e acrescentou que o escritor "tem muitos leitores no arquipélago", em especial na Graciosa.
O responsável adiantou ainda que cinco autores açorianos vão deslocar-se a Santa Cruz para divulgar a "pujante literatura de matriz açoriana", que "está bem ativa" e "bem presente" em todo o país. São eles Álamo Oliveira, Brites Araújo, Norberto Ávila, Susana Margarido e Victor Rui Dores.
Segundo a associação, "esta literatura tem sido promovida pelos colóquios desde 2006, com os Cadernos de Estudos Açorianos em linha, a tradução de obras para sete línguas, a publicação de antologias destinados ao currículo regional açoriano".
De acordo com o programa divulgado, há sete dezenas de inscritos e o colóquio terá uma sessão especial no dia 24, na Escola Secundária da Graciosa, com várias personalidades em diálogo com académicos, escritores, professores e alunos.
No evento serão abordados temas como a "Lusofonia e a Língua Portuguesa", "Açorianidades" e "Tradutologia" e, além das sessões científicas, haverá recitais de poesia, do Cancioneiro Açoriano e de poetas açorianos.
Chrys Chrystello disse ainda que o colóquio terá "uma forte componente local" e que serão recriados "recitais de piano, tal como se fazia no século passado, em que a 
Graciosa tinha praticamente um piano por casa".
Os Colóquios da Lusofonia, que decorreram pela primeira vez no Porto, já passaram por Bragança (durante nove anos), Macau, Brasil e Galiza (Espanha). Realizam-se nos Açores desde 2006, tendo Chrys Chrystello frisado que "um dos sonhos a breve prazo" é realizá-los em Cabo Verde, por ser "dos países com maiores afinidades à noção de lusofonia".
Vão estar representadas 18 regiões de Portugal, Alemanha, Angola, Austrália, Brasil, Cabo Verde, Canadá, Estados Unidos da América, Espanha, Luxemburgo, Macau, Moçambique e Timor.

Fonte: noticiasaominuto.com
Publicado por: George Correia

quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Governo conclui Rede Regional de Abate com lançamento da empreitada do Matadouro da Graciosa

O Conselho do Governo autorizou a abertura de concurso público internacional com vista à construção do Matadouro da Ilha da Graciosa, com o preço base de 5,9 milhões de euros.

Com esta obra, que inclui uma sala de desmancha, uma estação de tratamento de águas residuais e uma unidade de preparação e acondicionamento de subprodutos e despojos, conclui-se a rede de abate da Região.

A decisão foi anunciada hoje pela Secretária Regional Adjunta da Presidência para os Assuntos Parlamentares na apresentação do Comunicado do Conselho do Governo reunido na Graciosa no âmbito da visita estatutária à ilha.

O Governo decidiu ainda proceder à operacionalização da Central de Serviços Partilhados da Ilha Graciosa, com vista à gestão de forma centralizada e integrada de toda a informação relativa aos recursos humanos do Quadro Regional da ilha, à organização e uniformização das compras públicas e à aquisição e manutenção de bens e serviços comuns a todos os serviços dotados de autonomia administrativa, da administração regional, localizados na Graciosa.

Trata-se de uma medida identificada no Programa do Governo dos Açores para a racionalização e eficiência da Administração Regional.

No setor das obras marítimas, o Governo deliberou o lançamento do novo concurso público para a empreitada de proteção e estabilização da zona costeira da Barra, em Santa Cruz da Graciosa, com o preço base de 7,4 milhões de euros e um prazo de execução previsto de 18 meses.

Na área da solidariedade social, o Governo decidiu apoiar a Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa com um montante até 700 mil euros para a construção e aquisição de equipamento para uma cozinha para a receção e distribuição do Serviço de Apoio Domiciliário (SAD).

A obra irá beneficiar também outras valências da instituição, como o jardim-de-infância, o centro de atividades ocupacionais (CAO) e a creche.



GaCS


Publicado por: George Correia

Governo dos Açores entrega carrinha adaptada ao CAO da Graciosa

A Secretária Regional da Solidariedade Social entregou hoje uma carrinha adaptada ao Centro de Atividades Ocupacionais (CAO) da Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa, um investimento do Governo dos Açores superior a 50 mil euros que servirá cerca de uma dezena de utentes.

“O relacionamento do Governo dos Açores com as Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) não se esgota na construção e/ou adaptação de infraestruturas, passando igualmente por vários outros aspetos”, frisou Andreia Cardoso, destacando que se trata de "garantir uma resposta eficaz às necessidades de inúmeras famílias do concelho de Santa Cruz".

A carrinha hoje entregue, segundo a Secretária Regional, “permitirá responder às necessidades dos utentes do CAO, mas também dos idosos a que a Santa Casa da Misericórdia responde na sua estrutura residencial”.

Após a entrega da carrinha adaptada, integrada no programa da Visita Estatutária do Executivo Açoriano à ilha Graciosa, Andreia Cardoso visitou as instalações do CAO e da Creche e Jardim-de-Infância, tendo destacado a importância da colaboração entre os vários agentes.

“É fundamental que todas as entidades públicas, designadamente as autarquias e o Governo Regional, mas também as IPSS e as Misericórdias, que são nossos parceiros nestas matérias, estejam atentas às necessidades para que consigamos, em conjunto, dar as respostas que são necessárias à população”.

Anexos:


GaCS



Publicado por: George Correia

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Associação Cultural, Desportiva e Recreativa da Graciosa é exemplo para o associativismo jovem açoriano, afirma Isabel Rodrigues

A Secretária Regional Adjunta da Presidência para os Assuntos Parlamentares afirmou hoje que a Associação Cultural, Desportiva e Recreativa da Graciosa é “um exemplo para o movimento associativo juvenil" nos Açores, salientando o "impacto muito interessante que as suas atividades têm nas comunidades locais onde atua”.

Isabel Rodrigues, que falava no final de um encontro com a direção da associação, no âmbito da visita estatutária do Governo Regional à ilha Graciosa, destacou a diversidade de atividades que a instituição desenvolve junto de públicos diferenciados, desde o museu, que tem interesse do ponto de vista turístico, mas também para a comunidade escolar, até às atividades da biblioteca móvel e ao espaço de Informação e Tecnologia.

A associação tem ainda uma valência desportiva que conta com oito dezenas de jovens atletas federados nas modalidades de vela e andebol.

“Este é o tipo de atividades que as associações podem desenvolver com um impacto muito positivo por contribuírem de forma efetiva para o desenvolvimento do público jovem a que se dedicam”, frisou a Secretária Regional.

Nesse sentido, salientou que associações como a da Graciosa, constituem-se “como alternativas muito importantes de ocupação de tempos livres das crianças em comunidades mais periféricas, ao mesmo tempo que constituem uma complementaridade às atividades escolares mais formais”.

“A circunstância de o espaço ser muito procurado por crianças em tempo de férias e em horários pós escolares para desenvolverem as suas atividades de investigação, utilizando o recurso da Internet, é um bom exemplo de como, com um conjunto de recursos interessante, contando naturalmente com apoios do Governo Regional, sem os quais essas atividades não seriam sustentáveis, pelo caráter não lucrativo que têm, podemos intervir de forma muito positiva nas nossas comunidades”, salientou Isabel Rodrigues.

A Associação Cultural, Desportiva e Recreativa da Graciosa foi fundada em 1993, com o objetivo de promover a participação cívica dos jovens graciosenses e a promoção ou colaboração em projetos de ordem sócio-cultural, desportiva e recreativa.

Anexos:
2015.09.08-SRAPAP-AssociaçãoGraciosa.mp3

GaCS



Publicado por: George Correia

Vasco Cordeiro anuncia investimento na Santa Casa da Misericórdia da Graciosa e destaca parceria com IPSS dos Açores

O Presidente do Governo dos Açores anunciou hoje um investimento de cerca de 700 mil euros na construção de uma nova cozinha para a Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa, que vai servir as várias valências disponibilizadas pela instituição a mais de três centenas de utentes.

“Com este investimento vamos melhorar as condições na área da confeção de refeições, não apenas para o serviço do Lar de Idosos, mas também para um conjunto de outras valências da Santa Casa da Misericórdia, como é o serviço de apoio domiciliário, a creche e jardim-de-infância e o centro de atividades ocupacionais”, afirmou Vasco Cordeiro.

No final de uma visita ao Lar de Idosos da instituição, no âmbito da visita estatutária à ilha Graciosa, o Presidente do Governo adiantou, ainda, que se prevê que o concurso público para a realização desta obra, que está prevista na Carta Regional das Obras Públicas, seja lançado dentro de um mês.

Vasco Cordeiro salientou, por outro lado, o importante papel e o contributo que a Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa, bem como outras Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) do arquipélago, presta no sentido da construção de uma verdadeira rede de solidariedade social na Região.

“Se é certo que o Governo dos Açores tem um papel de financiamento destas instituições, esta parceria que se estabelece entre o Governo, as IPSS, nomeadamente as Santas Casas da Misericórdia, é fundamental”, realçou Vasco Cordeiro, ao recordar que foi com a consciência da importância desta parceria que o Governo definiu um modelo de financiamento das IPSS que, no caso concreto da Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa, se traduziu num aumento significativo, na ordem dos 150 mil euros, para perto de um milhão de euros.

Anexos:Fotos: GaCS/JAR
2015.09.07-PGR-LarIdosos.mp3

GaCS


Publicado por: George Correia

Governo dos Açores investe 1 ME na recuperação da estrada Limeira-Porto Afonso, na Graciosa

O Secretário Regional do Turismo e Transportes assinou hoje com a Tecnovia Açores o contrato da empreitada de repavimentação e recuperação da estrada entre Limeira e Porto Afonso, na Graciosa, cuja obra deverá ter início ainda este mês.

Vítor Fraga salientou, na cerimónia de assinatura, que este “é mais um compromisso assumido e mais um compromisso cumprido por parte do Governo dos Açores”, recordando o compromisso de efetuar esta intervenção "no decorrer desta legislatura".

Para o Secretário Regional, a intervenção neste troço vai, por um lado, "melhorar as condições de circulação" e, por outro, garantir melhores condições de segurança da via, frisando que "estes são dois dos principais objetivos das intervenções que temos vindo a levar a cabo em toda a rede viária regional”.

Para avançar com esta e outras obras ao nível da rede viária regional, foi necessário, segundo Vítor Fraga, “ultrapassar todas as restrições que foram colocadas por parte do Governo da República, quando transmitiu à União Europeia que o país não precisava de mais estradas".

"Fruto de um trabalho meritório, o Governo dos Açores conseguiu um regime de exceção que nos permite levar a cabo este tipo de intervenção ao nível dos circuitos logísticos de todas as nossas ilhas, facilitando a circulação e incrementando os níveis de segurança”, afirmou o titular da pasta das Obras Públicas.

A empreitada cujo contrato foi agora assinado enquadra-se nas intervenções nos circuitos logísticos da Região e representa um investimento global de cerca de um milhão de euros, sendo “a última grande intervenção ao nível da rede viária regional na ilha Graciosa”.

Nesse sentido, salientou que a partir daqui “temos um novo desafio pela frente que é a manutenção de toda esta rede”, referindo ainda que fica apenas a faltar a obra num outro troço, que “será feito após a intervenção na orla costeira da Barra, que é entre Santa Cruz e a Praia, mas, uma vez que a estrada vai ser sujeita a um elevado desgaste, aquando da realização da intervenção de proteção da orla costeira da Barra, essa empreitada só será lançada numa fase posterior”.

O esforço de investimento ao nível da rede viária regional enquadra-se em toda a dinâmica que o Governo dos Açores tem vindo promover para “criar um novo impulso no setor da construção civil, que não passa necessariamente só por aqui”, já que este setor “não vive exclusivamente das obras públicas, também há uma componente muito importante ao nível da iniciativa privada”, adiantou o Secretário Regional.

Vítor Fraga lembrou ainda o trabalho de reajustamento que as empresas tiveram de fazer para se adaptar ao “novo impulso” que se vive atualmente, tendo o Governo dos Açores assumido o seu papel de “contribuinte ativo em todo este processo, desde logo com a introdução de instrumentos novos, inovadores”, como a Carta Regional das Obras Públicas, o Catálogo de Materiais Endógenos e Transformados da Região, a introdução de nova legislação ao nível da certificação energética com o objetivo de redução dos custos de construção e ao nível do próprio Código da Contratação Pública, de modo a “torná-lo mais ágil, mais célere e mais adaptado à realidade das nossas empresas”.

Anexos:


GaCS



Publicado por: George Correia

sábado, 5 de setembro de 2015

O Governo dos Açores inicia segunda-feira a Visita Estatutária à Graciosa, com uma agenda que inclui, entre outros pontos, a atribuição de apoios sociais na área da habitação e da terceira idade, o lançamento de novas empreitadas e a inauguração de investimentos públicos nesta ilha.
O Presidente do Executivo Regional, Vasco Cordeiro, logo no início desta deslocação, preside à cerimónia de autorização de apoios para a reabilitação de nove habitações degradadas, beneficiando cerca de duas dezenas de pessoas, a que se seguirá a assinatura de protocolos com as Juntas de Freguesia de São Mateus e da Luz para a reabilitação de mais quatro habitações.
Ainda no primeiro dia desta visita estatutária, o Presidente do Governo visita o Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa, que acolhe atualmente mais de meia centena de utentes.
O programa deste primeiro dia termina com a reunião do Executivo com o Conselho de Ilha, a que se seguirá uma reunião do Conselho do Governo, como habitualmente acontece nas visitas estatutárias.
Na terça-feira, o Presidente do Governo visita, de manhã, a exploração de uma jovem empresária agrícola e, durante a tarde, a estação ARM - Atmospheric Radiation Measurement, uma das duas infraestruturas científicas de alta tecnologia existentes na ilha Graciosa, onde assistirá ao lançamento de um balão meteorológico.
Ao final da tarde, os membros do Governo recebem os residentes na ilha que lhes pretendam colocar questões diretamente, numa iniciativa que se tem concretizado em todas as visitas estatutárias da atual legislatura no âmbito de uma política de proximidade com os Açorianos.
O programa desta deslocação à Graciosa, como habitualmente, inclui ainda visitas dos membros do Governo a investimentos em curso e reuniões com diversas entidades locais.
A assinatura do contrato da empreitada de reabilitação da Estrada Regional 1-2.ª, entre Limeira e Porto Afonso, a apresentação do projeto de abastecimento de água à lavoura da Fonte do Pontal e a inauguração do Miradouro do Rebentão da Luz são algumas das iniciativas integradas no programa desta visita.
Nesta deslocação à Graciosa estão também previstas, entre outras iniciativas, a entrega de uma viatura adaptada ao Centro de Atividades Ocupacionais da Santa Casa da Misericórdia da Vila de Santa Cruz, assim como uma visita ao ilhéu da Praia.



GaCS


Publicado por: George Correia

Programa da Visita Estatutária do Governo Regional à ilha Graciosa

O Governo Regional dos Açores inicia segunda-feira uma Visita Estatutária à ilha Graciosa, de acordo com o seguinte programa:

SEGUNDA-FEIRA, DIA 7:

13H55 - O Presidente do Governo e restante comitiva governamental chegam ao Aeródromo da Ilha Graciosa.

14H30 - O Presidente do Governo preside à cerimónia de autorização de nove processos de reabilitação de habitação degradada e de assinatura de protocolos com as juntas de Freguesia de São Mateus e da Luz para a reabilitação de habitações, na Biblioteca Municipal, em Santa Cruz (praça Fontes Pereira de Melo).

15H00 - O Secretário Regional da Saúde reúne-se com o Conselho de Administração da Unidade de Saúde da Ilha Graciosa, no Centro de Saúde da Graciosa, em Santa Cruz (rua Mouzinho de Albuquerque).

- O Secretário Regional do Turismo e Transportes preside à cerimónia de assinatura do contrato da empreitada de reabilitação da Estrada Regional 1-2.ª, entre Limeira e Porto Afonso, na ER 1-2.ª, Limeira-Porto Afonso.

- O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia reúne-se com a Direção da Associação de Pescadores Graciosenses, no Porto da Praia da Graciosa.

- O Secretário Regional da Agricultura e Ambiente reúne-se com as direções das associações agrícolas da ilha Graciosa, no Serviço de Desenvolvimento Agrário da Graciosa, em Santa Cruz.

16H00 - O Presidente do Governo visita o Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia da Vila de Santa Cruz da Graciosa (rua do Mercado).  

16H30 - O Secretário Regional da Saúde preside à cerimónia de inauguração do arruamento Dr. Vasco Rodrigues, em Santa Cruz.          

- O Secretário Regional da Educação e Cultura visita a Escola Básica e Secundária da Graciosa, em Santa Cruz.           

- O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia visita o Porto de Pesca de Santa Cruz, no lugar de Calheta.

18H00 - Reunião do Governo Regional com o Conselho de Ilha, na Escola Básica e Secundária da Graciosa.  

21H00 - Reunião do Conselho do Governo, no Graciosa Resort & Business Hotel, em Santa Cruz.

TERÇA-FEIRA, DIA 8:

08H30 - A Secretária Regional da Solidariedade Social e os secretários regionais da Saúde e da Educação e Cultura reúnem-se com a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Santa Cruz da Graciosa, na Escola Básica e Secundária da Graciosa, em Santa Cruz.

09H30 - A Secretária Regional da Solidariedade Social e os secretários regionais da Saúde e da Educação e Cultura reúnem-se com a Equipa de Intervenção Precoce da Graciosa, na Escola Básica e Secundária da Graciosa, em Santa Cruz.

- O Secretário Regional do Turismo e Transportes preside à cerimónia de inauguração do Miradouro do Rebentão da Luz, Estrada Regional 3-2.ª

- O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia visita o Porto de Pesca e o Entreposto da Folga.

- O Secretário Regional da Agricultura e Ambiente visita o projeto de investimento de João Luís da Cunha Oliveira, em Santa Cruz (canada do Sumidouro).

- A Secretária Regional Adjunta da Presidência para os Assuntos Parlamentares reúne-se com a Direção da Associação Cultural, Desportiva e Recreativa da Graciosa, em Santa Cruz (caminho de Cima).

11H00 - O Presidente do Governo visita o projeto de investimento de Rosa Maria Medina Ataíde Espínola, em Guadalupe (caminho do Pontal).

11H30 - A Secretária Regional da Solidariedade Social preside à cerimónia de entrega da chave de uma viatura adaptada ao Centro de Atividades Ocupacionais da Santa Casa da Misericórdia da Vila de Santa Cruz da Graciosa, seguida de visita ao CAO e à Creche/JI (caminho dos Funchais). 

- O Secretário Regional da Educação e Cultura visita o Museu da Graciosa, em Santa Cruz.

14H00 - O Secretário Regional da Agricultura e Ambiente visita o Ilhéu da Praia (saída do Porto da Praia).

14H30 - A Secretária Regional da Solidariedade Social visita o Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia da Vila da Praia da Graciosa (rua Dr. Brito de Albuquerque).

- O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia visita o Porto de Pescas e a Lota da Praia.          

15H00 - O Secretário Regional do Turismo e Transportes visita o Posto de Turismo na Gare Marítima da Praia.           

16H00 - A Secretária Regional da Solidariedade Social reúne-se com a Direção do Centro Social e Paroquial de Nossa Senhora da Luz, na Luz (rua da Igreja).

- O Secretário Regional da Saúde reúne-se com a Direção da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários da Graciosa, em Santa Cruz (rua Charco da Cruz Dores).

- O Secretário Regional da Educação e Cultura visita o Serviço de Desporto da Graciosa, em Santa Cruz (largo de Santo António).         

- O Secretário Regional do Turismo e Transportes visita a Zona de Lazer do Barro Vermelho, na Estrada Regional 1-2.ª.
           
- A Secretária Regional Adjunta da Presidência para os Assuntos Parlamentares reúne-se com os agrupamentos 434, de Santa Cruz, e 944, de Guadalupe, do Corpo Nacional de Escutas, na Biblioteca Municipal, em Santa Cruz.
           
16H30 - O Presidente do Governo visita a Estação ARM – Atmospheric Radiation Measurement, na Estrada da Aerogare da Graciosa.          

17H00 - O Secretário Regional da Agricultura e Ambiente preside à apresentação dos projetos de abastecimento de água à lavoura da Fonte do Pontal e da rede de abastecimento de água aos Vimiais, no Serviço de Desenvolvimento Agrário da Graciosa, em Santa Cruz.

18H00 - O Governo Regional recebe a população da ilha Graciosa, na Escola Básica e Secundária da Graciosa, em Santa Cruz.

QUARTA-FEIRA, DIA 9:

09H00 - A Secretária Regional da Solidariedade Social visita habitações, com obras em curso ou recentemente concluídas, no âmbito do Programa de Apoio à Recuperação de Habitação Degradada em Santa Cruz e em Guadalupe.

- O Secretário Regional da Agricultura e Ambiente visita a obra de selagem da lixeira da Portela, em São Mateus.
           
09H30 - Apresentação do Comunicado do Conselho do Governo, no Graciosa Resort & Business Hotel, em Santa Cruz.

11H25 - Partida da comitiva governamental da ilha Graciosa.



GaCS


Publicado por: George Correia