quinta-feira, 20 de junho de 2013

Intervenção na zona balnear do Carapacho está concluída

As obras na zona envolvente à Piscina do Carapacho, na Graciosa, já foram concluídas.

Esta zona balnear volta assim a oferecer todas as condições que disponibilizava antes dos estragos provocados pelo mau tempo verificado no passado inverno.

No local, o Governo dos Açores, através da Secretaria Regional do Turismo e Transportes, promoveu diversas intervenções, como a consolidação dos muros, o arranjo dos passeios e a remoção da antiga estrutura que ruiu, tendo caído para o interior da piscina.




GaCS
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

terça-feira, 18 de junho de 2013

Museu de Angra do Heroísmo inaugura exposição sobre vida e obra de Manuel Machado Ávila

O Museu de Angra do Heroísmo inaugura quinta-feira, 20 de junho, a exposição intitulada “Manuel Machado Ávila, 1916-2001, vida e obra”, que ficará patente na Sala de Destaques.

Esta exposição, que resulta de uma parceria com o Museu da Graciosa, homenageia um terceirense que exerceu as funções de Chefe de Conservação da Delegação da Graciosa das Obras Públicas da Junta Geral do Distrito de Angra do Heroísmo, distinguindo-se pela extensão e multiplicidade da obra que desenvolveu nas áreas da arquitetura, construção e fiscalização, mas também do desenho, da pintura e da literatura.

Manuel Machado Ávila foi também, por largos anos, colaborador do jornal A União, do Boletim do Instituto Histórico da Ilha Terceira e da Revista Atlântida, além de ilustrador dos livros de Augusto Gomes.

Nascido na freguesia das Doze Ribeiras, a 10 de maio de 1916, numa família numerosa, ligada à terra pelo trabalho e à administração pública pelo ofício do pai, Manuel Machado Ávila revelou a sua criatividade e vocação artística ainda muito jovem.

Descoberto e apoiado por homens da cultura local, ingressou na Escola Madeira Pinto em 1933, formando-se nos cursos Comercial e Industrial, tendo iniciado em 1938 uma carreira de técnico de obras ao serviço da Junta Geral de Angra do Heroísmo, primeiro como apontador e, alguns anos depois, como Chefe de Conservação.

Em 1985, quando se aposentou, com 42 anos de serviço, recebeu um louvor atribuído pelo Secretário Regional do Equipamento Social.

Manuel Machado Ávila faleceu a 8 de março de 2001, na Vila de Santa Cruz da Graciosa.



GaCS
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

segunda-feira, 17 de junho de 2013

SPEA divulga resultados do Censo de Milhafres

São já conhecidos os resultados do 8º Censo de Milhafres, que decorreu nos dias 23 e 24 de março de 2013, envolvendo dezenas de voluntários, para contabilizar os exemplares desta ave, a única rapina diurna no arquipélago dos Açores. Nesta edição foram avistadas 557 aves em 1400 quilómetros percorridos. Os dados recolhidos ao longo dos últimos anos apontam para uma população total de milhafres na ordem dos 1000 indivíduos.

O Censo de Milhafres é um projeto coordenado pela Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves (SPEA), que decorre em paralelo nos Açores e na Madeira (onde esta ave é conhecida por manta).

A recolha de informação depende do contributo de voluntários e insere-se num projeto de cidadania para a ciência que procura estimar o tamanho e a situação das populações de milhafres. A colaboração do máximo de voluntários é essencial para obter dados robustos sobre o estado desta espécie em cada ilha dos arquipélagos.

Este censo para além de ser importante para obter informação sobre o milhafre, é ainda uma forma divertida de aprender e de passar algum tempo com amigos e família.

Em 2013, nos Açores, com o esforço de 140 voluntários foi possível avistar 557 milhafres nos cerca de 1400 km percorridos.
No arquipélago, entre 2006 e 2013, registam-se 3748 milhafres nos cerca de 10.000 quilómetros percorridos nos 418 percursos. As ilhas de São Miguel, Faial e São Jorge, apresentam no total das 8 edições, os maiores valores de densidade de aves por quilómetro percorrido.

O Censo de Milhafres é um importante contributo para identificar tendências populacionais da espécie, aferindo se o seu número está a aumentar ou a diminuir e alertar para situações de perigo desta espécie emblemática do arquipélago.

Apesar do erro inerente a este tipo de dados, cuja recolha depende do número de voluntários que participa em cada ano e em cada ilha, e das flutuações anuais normalmente expetáveis em espécies selvagens, as populações de milhafres parecem estáveis quer nos Açores quer na Madeira.


Para uma leitura do relatório completo consulte: http://www.spea.pt/pt/estudo-e-conservacao/censos-de-aves/censo-de-milhafres-mantas/

A SPEA agradece a todos os que têm vindo a contribuir para este censo e deixa já o convite para a participação no censo do próximo ano.
________________________________________________________________

Notas:


Nos Açores esta espécie é conhecida por Milhafre ou Queimado, ocorrendo a subespécie Buteo buteo rothschildi. Na Madeira é conhecida por Manta e corresponde à subespécie Buteo buteo harterti. No território continental ocorre a subespécie Buteo buteo buteo.

Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves A SPEA é uma Organização Não Governamental de Ambiente que trabalha para a conservação das aves e dos seus habitats em Portugal. Faz parte da BirdLife International, uma aliança de organizações de conservação da natureza em mais de 100 países, considerada uma das autoridades mundiais no estudo das aves, dos seus habitats e nos problemas que os afetam. | www.spea.pt


Publicado por: Jorge M. Gonçalves

sexta-feira, 14 de junho de 2013

A tauromaquia ao mais alto nível na Graciosa! Visite-nos em agosto!



CMSCG
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

Município Graciosense volta a apostar na democracia participativa

Depois do sucesso que foi a participação dos Graciosenses na escolha do seu novo logótipo, o Município de Santa Cruz da Graciosa promove, a partir do próximo dia 17 de junho, uma votação na Biblioteca Municipal sobre o futuro do trânsito da Rua D. Afonso Henriques.


Tal como tínhamos assumido, e terminadas que estão as obras de requalificação no centro de Santa Cruz, chegou a altura de abrir a discussão sobre a organização do trânsito naquela que é a principal praça de Santa Cruz da Graciosa.

É por isso que queremos conhecer a opinião dos Graciosenses sobre a possibilidade de abrir ao trânsito a Rua D. Afonso Henriques num só sentido.

Deste modo, convidamos todos os Graciosenses a expressarem a sua opinião sobre este assunto, devendo, para o efeito, dirigir-se à Biblioteca Municipal e participar na votação que decorrerá entre os dias 17 e 21 de junho de 2013.

A questão a que os graciosenses são convidados a responder é:

Concorda com a abertura ao trânsito da Rua D. Afonso Henriques no sentido nascente/poente (Rua Marquês de Pombal/Largo Vasco da Gama) para veículos ligeiros com velocidade reduzida?

Esta é apenas mais uma forma de convidar os Graciosenses a participarem no futuro da nossa ilha, pois só em conjunto, de forma participada e responsável, conseguiremos construir um município mais feliz.




CMSCG
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Grupo de Teatro A Semente no próximo Sábado, dia 15 de Junho, pelas 21h00, no Centro Cultural da Ilha Graciosa

Informamos que o Grupo de Teatro A Semente no próximo Sábado, dia 15 de Junho, pelas 21h00, no Centro Cultural da Ilha Graciosa, vai proceder à estreia da peça de teatro Um Fantasma Chamado Isabel, uma comédia portuguesa divertida. A mesma peça será resposta no dia seguinte, 16, no mesmo Centro Cultural da Ilha Graciosa, pelas 21h00.

CMSCG
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Recuperação da zona balnear do Carapacho em fase de conclusão

As obras na zona envolvente à Piscina do Carapacho, na Graciosa, estão praticamente concluídas, prevendo-se que até ao final de junho esta zona balnear volte a reunir todas as condições que disponibilizava antes do mau tempo verificado no último inverno.

As obras compreendem várias intervenções, nomeadamente a consolidação dos muros, o arranjo dos passeios e a remoção da antiga estrutura, que ruiu para o interior da piscina.

Nesta altura estão também a decorrer os procedimentos necessários com vista ao lançamento do concurso para reabilitação das Termas do Carapacho, tendo em conta o desgaste verificado em alguns equipamentos e a necessidade de efetuar uma intervenção no edifício.

Esta intervenção tem como objetivo garantir as melhores condições a todos os frequentadores daquela infraestrutura.

Os procedimentos estão a ser conduzidos tecnicamente pelo INOVA, sendo objetivo do Governo dos Açores lançar o concurso no início de julho, para, de seguida, realizar as obras previstas.

Paralelamente a este procedimento, está também em fase de adjudicação, por ajuste direto, a aquisição de um equipamento que garanta a reabertura das termas, com valências termais, o que se prevê venha a acontecer na segunda semana de julho.




GaCS
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

Preço dos combustíveis desce na próxima segunda-feira nos Açores

As alterações registadas no preço do petróleo durante as últimas semanas nos mercados internacionais vão levar a uma atualização do preço máximo de venda dos combustíveis na Região Autónoma dos Açores.

Esta atualização consiste na descida em três cêntimos por litro no preço máximo do gasóleo rodoviário, dois cêntimos por litro no gasóleo agrícola, um cêntimo no gasóleo pescas e quatro cêntimos por quilo no preço do gás.

Assim, o gasóleo rodoviário passa a ter um preço de 1,25 euros por litro, enquanto o litro do gasóleo agrícola passa a custar 0,83 euros e o do gasóleo pescas 0,63 euros.

O gás em garrafas de 26 litros ou mais passa a ter um preço de 1,38 euros por quilo.

Os novos preços entram em vigor às 00h00 da próxima segunda-feira.




GaCS
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

sábado, 8 de junho de 2013

O Secretário Regional da Saúde afirmou, em Santa Cruz da Graciosa, que a proposta de reestruturação do setor, que está em debate, “só avançará quando estiver garantida a resposta dos novos serviços”

O Secretário Regional da Saúde afirmou, em Santa Cruz da Graciosa, que a proposta de reestruturação do setor, que está em debate, “só avançará quando estiver garantida a resposta dos novos serviços”.

“Nós não faremos qualquer alteração sem que existam os respetivos serviços de resposta complementar e após verificar que essa alternativa funciona", disse Luís Cabral, numa sessão de esclarecimento sobre a Proposta de Reestruturação do Serviço Regional de Saúde (SRS), realizada sexta-feira na Graciosa, por iniciativa do Conselho de Ilha.

Nesse sentido, apontou o caso do 'call center' da Saúde, que permitirá o correto encaminhamento dos utentes e garantirá uma alternativa aos serviços de atendimento dos centros de saúde, frisando que é necessário ouvir as pessoas e saber “se é essa a sua expetativa”.

O Secretário Regional reafirmou que o documento em discussão pública “não foi feito a pensar na sustentabilidade financeira”, exatamente para não condicionar objetivos, frisando que se pretende “uma sustentabilidade funcional”.

Luís Cabral salientou que a questão da dívida é um aspeto que preocupa o Governo, na qual trabalha “diariamente”, acrescentando existir uma expetativa de “boas notícias” nas próximas semanas sobre esta matéria.

Relativamente à Unidade de Saúde da Graciosa, Luís Cabral salientou que não se colocam problemas especiais, referindo que, por ser a única na ilha, é classificada como unidade de saúde avançada, com serviço de atendimento permanente.

Os constrangimentos de pessoal médico que existem estão em vias de resolução, já que existem 3 médicos, dois dos quais em contrato de prestação de serviço, mas vai ser aberto concurso para mais um médico.

“Espera-se que apareçam candidatos para que se possa dar maior estabilidade à resposta dos serviços de saúde a quem vive na Graciosa”, afirmou, que frisou também o facto de estar "ultrapassada" a preocupação que existia relacionada com a deslocação de especialistas.


Anexos:
2013.06.07-SRS-ReestruturaçãoSRS.mp3


GaCS

Publicado por: Jorge M. Gonçalves

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Comemoração do Novo Parque Infantil de Santa Cruz da Graciosa

A Câmara Municipal e a CPCJ da Graciosa promoveram as comemorações do Dia Mundial da Criança, que decorreram na terça-feira, dia 04 de junho, de modo a que todas as crianças das escolas tivessem oportunidade de participar nas atividades carinhosamente preparadas para elas.

Nas mais variadas áreas, desde jogos culturais e pedagógicos, exibições de desporto em diversas modalidades e espetáculo de fantoches, as nossas crianças tiveram um dia memorável onde reinou o divertimento tanto no Pavilhão Municipal, na Biblioteca Municipal, na Praça Fontes Pereira de Melo, como na remodelada na Praça de São Francisco. O novo e colorido Parque Infantil fez as delícias de todos, que a partir deste dia poderão usufruir dele sempre que desejarem.

Para que esta festa fosse possível, após vários dias de planeamento e preparação, a Câmara Municipal responsabilizou-se pelo transporte dos alunos, assim como pela cedência de outros bens necessários para a sua realização.

É ainda relevante salientar o inestimável apoio prestado pelos restaurantes da Ilha, que ofereceram as sopas, assim como pelo Paulo Cordeiro, Lda e pelas Organizações Filnor, que ofereceram fruta, ajudando, assim, a proporcionar um refeição a todos os alunos do Pré-escolar e do 1.º Ciclo.



CMSCG
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

Inauguração do Multiusos da Graciosa e do novo Quiosque da ART

Na terça-feira, ao final da tarde, foi levada a cabo a cerimónia de bênção e inauguração do edifício denominado "Multiusos da Graciosa", que consiste num espaço cívico, cultural e de animação económica, que se encontra dotado de equipamentos capazes de permitir a realização de variadas atividades, como palestras conferências, exposições, seminários, atividades destinadas a crianças e idosos, entre muitas outras.

Este edifício está integrado num projeto mais abrangente e estratégico, que engloba a remodelação e beneficiação do parque infantil, agora mais amplo, com melhor iluminação e espaço onde os adultos acompanhantes podem estar confortavelmente sentados junto das crianças.

Com um melhoramente paisagístico notório, a Praça de São Francisco tornou-se igualmente num espaço mais vasto e organizado, dotado de diversas valência. Também a respetiva rua, que serve o cemitério municipal, deixou de ser em betuminoso e deu lugar a uma bonita calçada portuguesa.

De referir também a construção das novas e modernas instalações sanitárias, que vieram substituir uma infraestrutura antiga, ultrapassada e extremamente degradada.

A esta agradável cerimónia de inauguração, que teve direito a momento de poesia, seguiu-se outra, desta feita do novo espaço Quiosque da ART - Associação Regional de Turismo.

Depois das inaugurações, deu-se lugar à música, num concerto com as quatro bandas filarmónicas da nossa ilha.




Mais fotos deste evento podem ser vistas aqui neste LINK


Fonte: CMSCG
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

COMEMORAÇÃO DO DIA MUNDIAL DA CRIANÇA

A Câmara Municipal e a CPCJ da Graciosa promoveram as comemorações do Dia Mundial da Criança, que decorreram na terça-feira, dia 04 de junho, de modo a que todas as crianças das escolas tivessem oportunidade de participar nas atividades carinhosamente preparadas para elas.

Nas mais variadas áreas, desde jogos culturais e pedagógicos, exibições de desporto em diversas modalidades e espetáculo de fantoches, as nossas crianças tiveram um dia memorável onde reinou o divertimento tanto no Pavilhão Municipal, na Biblioteca Municipal, na Praça Fontes Pereira de Melo, como na remodelada na Praça de São Francisco. O novo e colorido Parque Infantil fez as delícias de todos, que a partir deste dia poderão usufruir dele sempre que desejarem.

Para que esta festa fosse possível, após vários dias de planeamento e preparação, a Câmara Municipal responsabilizou-se pelo transporte dos alunos, assim como pela cedência de outros bens necessários para a sua realização.

É ainda relevante salientar o inestimável apoio prestado pelos restaurantes da Ilha, que ofereceram as sopas, assim como pelo Paulo Cordeiro, Lda e pelas Organizações Filnor, que ofereceram fruta, ajudando, assim, a proporcionar um refeição a todos os alunos do Pré-escolar e do 1.º Ciclo.


CMSCG
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

terça-feira, 4 de junho de 2013

Escola Básica e Secundária da Graciosa comemora Dia Mundial do Ambiente com várias atividades

A Secretaria Regional dos Recursos Naturais comemora o Dia Mundial do Ambiente, que se assinala quarta-feira, 5 de junho, com a realização de ações de sensibilização ambiental em todas as ilhas dos Açores.

O Secretário Regional do Ambiente, Luís Neto Viveiros, associa-se às comemorações no Centro de Monitorização e Investigação das Furnas, onde decorrem, a partir das 10h30, visitas da Eco-Escola Profissional da Santa Casa da Misericórdia da Ribeira Grande e de grupos de turistas, ao abrigo do programa Parceiros para o Desenvolvimento Sustentável.

As Ecotecas, inseridas nas equipas dos Parques Naturais de Ilha, vão dinamizar, no âmbito das comemorações deste dia, diversas ações de sensibilização e educação ambiental, dando primazia às solicitações e parcerias com as escolas da Região.

Diversos Parques Naturais e parceiros vão também promover ações no âmbito do programa Açores Entre-Mares, que está a decorrer até  sábado, 8 de junho, data em que se assinala o Dia Mundial dos Oceanos.

Assim, o Parque Natural de Santa Maria vai receber diversas turmas, que poderão ver o documentário “À Descoberta de Santa Maria - Açores”, realizado por Pedro de Carvalho, que constitui uma excelente ferramenta para exploração da biodiversidade terrestre e marinha daquela ilha.

O Parque Natural de São Miguel vai visitar e receber diversas escolas, entre as quais as EBI dos Arrifes e das Capelas e a Escola Secundária da Ribeira Grande, e participa no dia Eco-Escolas da EB 2,3/S Maria Isabel do Carmo Medeiros.  

Por seu lado, o Parque Natural da Terceira, através da Ecoteca, participará na sexta-feira na Feira de Ambiente, organizada pela Divisão de Ambiente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, no recinto de espetáculos do Parque Ambiental do Paul.

O Parque Natural da Graciosa associa-se à EBS da Graciosa na realização de diversas atividades, como a intervenção da “Mega Brigada Verde” pelo Caminho Velho da Lagoa e um almoço-convívio no Parque de Campismo do Pinheiro.

O Parque Natural do Faial dinamiza na quarta-feira o circuito interpretativo da Paisagem Protegida do Monte da Guia, com estudantes e professores da Escola Secundária Homem Cristo, de Aveiro.

O Parque Natural do Pico participa nas diversas atividades promovidas pela Escola Básica e Secundária de São Roque, em que participarão todas as escolas do 1.º ciclo do concelho, com a realização do jogo Gestos da Natureza.

O Parque Natural de São Jorge vai promover na quinta-feira uma visita de estudo aos Geossítios desta ilha para alunos e professores da Escola Secundária Homem Cristo, de Aveiro.

O Parque Natural das Flores, em parceria com a Jeroinvest, promove uma atividade de sensibilização para o uso sustentável do mar, dirigida a alunos, enquanto o Parque Natural do Corvo realiza duas sessões de educação ambiental dirigidas ao ensino pré-escolar e ao 1.º ciclo, com visitas guiadas à Reserva Biológica do Corvo.

Para mais informações sobre as campanhas de educação e sensibilização ambiental dinamizadas pelas Ecotecas e Centros Ambientais dos Parques Naturais dos Açores, os interessados podem consultar o portal Educar para o Ambiente, em http://www.azores.gov.pt/GRA/srrn-educar.



GaCS
Publicado por: Jorge M. Gonçalves

domingo, 2 de junho de 2013

Proteção Civil alerta para chuva forte nos grupos Central e Ocidental

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) informa que o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu o seguinte aviso:

A passagem de uma frente fria de atividade moderada provocará um agravamento do estado do tempo no arquipélago, já a partir da próxima madrugada.

Assim, emite-se:

Para o Grupo Ocidental

Aviso AMARELO referente a:
PRECIPITAÇÃO
No período entre as 00UTC de 03-06-2013 e as 15UTC de 03-06-2013.


Para o Grupo Central

Aviso AMARELO referente a:
PRECIPITAÇÃO
No período entre as 12UTC de 03-06-2013 e as 01UTC de 04-06-2013.


O SRPCBA recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, em particular nas zonas mais vulneráveis, recomenda-se a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:

Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas e a retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento.

Manter limpos os sistemas de drenagem e consolidar telhados, portas e janelas.

Não despejar lixo ou entulho nas ribeiras, nem as obstruir com troncos ou ramadas.

Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo cuidado com a possível formação de lençóis de água nas vias.


Estar atento às informações e indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.



GaCS
Publicado por: Jorge M. Gonçalves