quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Programa de Festas de Nossa Senhora da Luz 2012


Publicado por: Jorge Gonçalves

domingo, 26 de agosto de 2012

Morreu D. Aurélio Granada Escudeiro, antigo bispo dos Açores


Prelado de 92 anos faleceu na Casa Sacerdotal de Ponta Delgada

D. Aurélio Granada Escudeiro, antigo bispo de Angra, faleceu este sábado aos 92 anos de idade na Casa Sacerdotal de Ponta Delgada, ilha açoriana de São Miguel, adiantou hoje à Agência ECCLESIA fonte oficial da diocese.

O prelado, 37.º bispo de Angra e cidadão honorário da cidade de Angra do Heroísmo, precedeu no cargo ao atual responsável pela diocese, D. António de Sousa Braga.

D. Aurélio Granada Escudeiro foi eleito como titular de Drusiliana e coadjutor de Angra a 18 de março de 1974, tendo sido ordenado bispo a 26 de maio desse ano; a 30 de junho de 1979 foi nomeado bispo residencial da diocese açoriana.

O falecido prelado criou um secretariado para a Pastoral das Migrações e a Comissão Diocesana para a Comunicação Social, para além de uma comissão de ajuda aos refugiados, no pós-25 de abril.

Natural de Alcains, Castelo Branco, Aurélio Granada Escudeiro nasceu a 29 de maio de 1920 e fez os seus estudos nos Seminários de Gavião, Alcains e Olivais.

Ordenado padre em Portalegre, a 17 janeiro de 1943, desempenhou funções como pároco em Gavião (1943-44) e Ortiga, Mação (1944-48), e como professor de Religião, distinguindo-se no apoio dado à obra da Ação Católica (AC), a nível diocesano e nacional.


O prelado assumiu responsabilidades em órgãos de comunicação social da Igreja e foi responsável pela publicação de textos sobre doutrina da Igreja e pela tradução de obras de caráter teológico.

Em 1974, foi nomeado secretário da Comissão Episcopal de Migrações, participando em congressos e reuniões a nível internacional.

D. Aurélio Granada Escudeiro é apresentado como um impulsionador do culto ao Senhor Santo Cristo dos Milagres.

Enquanto bispo de Angra, o prelado recebeu o Papa João Paulo II, em abril de 1991, na visita às ilhas Terceira e de São Miguel.

Apresentou a renúncia em abril de 1996 e viu D. António de Sousa Braga suceder-lhe no cargo em junho desse ano.

D. Aurélio Granada Escudeiro regressou à sua terra natal, mas viria a fixar residência na Casa Sacerdotal da Cidade de Ponta Delgada, em maio de 2011, onde veio a falecer cerca das 20h00 locais (mais uma em Lisboa) deste sábado.

O funeral vai decorrer na Sé de Angra (ilha Terceira), estando ainda por definir a data da cerimónia.

Fonte: Agência Ecclesia
Publicado por: Jorge Gonçalves

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Preço máximo de venda dos combustíveis atualizado nos Açores


As alterações registadas no preço do petróleo, durante as últimas semanas, nos mercados internacionais, vão levar a uma atualização do preço máximo de venda dos combustíveis na Região Autónoma dos Açores.

Esta atualização consiste na subida em dois cêntimos por litro no preço máximo das gasolinas 95 e 98 e dos gasóleos rodoviário, agrícola e pescas.

De salientar que o preço máximo de todos os combustíveis mantém-se dentro dos limites definidos pelo Governo dos Açores como diferença mínima para os preços em vigor no continente português.

Assim, no caso das gasolinas 95 e 98 a diferença nos preços máximos por litro praticados nos Açores em relação ao mercado nacional é de menos 13 por cento. O gasóleo rodoviário tem, nos Açores, um preço máximo por litro inferior também em 13 por cento em relação ao praticado no mercado nacional.

O gasóleo agrícola tem um preço máximo por litro inferior em 23 por cento em relação ao mercado nacional e o gasóleo pescas um preço máximo por litro inferior em 22 por cento em relação ao registado no continente.

Em relação ao gás doméstico, a diferença entre os preços máximos por quilo praticados nos Açores e os preços praticados no continente é de menos 31 por cento. No caso do fuel a diferença de preço entre os Açores e o continente é de menos 25 por cento por quilo.

Em relação à Região Autónoma da Madeira, os preços máximos praticados nos Açores são inferiores em menos 14 por cento para a gasolina 95, e em menos 16 por cento para a gasolina 98.

No que respeita ao gasóleo rodoviário, a diferença entre o preço máximo por litro praticado nos Açores e o preço registado na Madeira é de menos 8 por cento, enquanto no gasóleo agrícola o preço máximo por litro nos Açores é inferior ao daquela Região Autónoma em menos 16 por cento.

Os novos preços entram em vigor às 00h00 de quinta-feira.



GaCS
Publicado por: Jorge Gonçalves

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Festas de Santo António da Vitória

Programa de Festas de Santo António 2012

Publicado por: Jorge Gonçalves

Furna do Enxofre regista um aumento do número de visitantes


A Furna do Enxofre, ex-libris da Graciosa e integrada no Parque Natural da ilha, registou até ao passado mês de julho 2471 visitantes.

Este número de visitantes corresponde a um aumento aproximado de 41% comparativamente com o mesmo período do ano de 2011, no qual for registado 1748 visitantes.

Para esta evolução positiva contribuíram os diversos investimentos efetuados, como a remodelação dos acessos exteriores, a melhoria da vedação e a colocação de um corrimão em aço inoxidável na escada de acesso à Furna, que vieram resolver diversos problemas na acessibilidade das pessoas mais idosas ou com mobilidade reduzida.

Sabido que nesta época estival não foram atingidos os níveis de temperatura ocorridos no ano anterior e que as noites anormalmente mais frias permitiram uma renovação mais regular do ar interior da caverna, conjugado com da instalação de portas amovíveis na escada de acesso que permitem visitas parciais à furna, conforme os níveis de dióxido de carbono permanentemente monitorizados, foi possível diminuir o período em que a Furna esteve encerrada devido aos elevados níveis de CO2 e assim contribuir para que mais visitantes pudessem contemplar uma das mais notáveis cavidades vulcânicas dos Açores e única no panorama internacional.



GaCS
Publicado por: Jorge Gonçalves

sábado, 18 de agosto de 2012

Proteção Civil: tempestade Gordon intensifica-se e aproxima-se do arquipélago


O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores informa que, segundo o Instituto de Meteorologia, a tempestade tropical Gordon intensificou-se durante as últimas horas, prevendo-se que entre no sector sudoeste da região marítima dos Açores pelas 12h de Domingo, 19 de agosto, como furacão de categoria I da escala de Saffir-Simpson, progredindo na direção nordeste.

Nestas condições prevê-se que atinja o Grupo Oriental pelas 00h de segunda-feira, 20 de agosto, afectando as ilhas de São Miguel e de Santa Maria, com a previsão para a zona marítima de ventos médios de 110 km/h, com rajadas até 150 km/h, prevendo-se para as zonas de terra menor intensidade, com o vento médio de cerca de 80 km/h a 90 km/h, com rajadas até 130 km/h. Estão ainda previstos eventos de precipitação intensa, trovoada e ondas entre 14 e 16 m.


PARA O GRUPO ORIENTAL:

No período entre as 21UTC de 2012-08-19 e as 18UTC de 2012-08-20

VENTO com velocidade média superior a 87 Km/h com direção de sueste e com rajadas superiores a 130 Km/h.

AGITAÇÃO MARÍTIMA mar encapelado, ondas de sul superiores a 9 metros de altura.

CHUVA FORTE e TROVOADAS frequentes e concentradas.



PARA O GRUPO CENTRAL:

No período entre as 18UTC de 2012-08-19 e as 12UTC de 2012-08-20

VENTO com velocidade média entre 65Km/h a 74 km/h e com rajada máxima entre 85 Km/h a 100 Km/h, com direcção de sueste rodando para nordeste.

AGITAÇÃO MARÍTIMA mar tempestuoso, ondas de sudoeste entre 6 a 7 metros de altura.


GaCS
Publicado por: Jorge Gonçalves

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Festas do Carapacho 2012

Programas de Festas de Nossa Senhora de Lurdes, Carapacho, 2012

Publicado por: Jorge Gonçalves

Preço máximo de venda dos combustíveis atualizado nos Açores


As alterações registadas no preço do petróleo, durante as últimas semanas, nos mercados internacionais, vão levar a uma atualização do preço máximo de venda dos combustíveis na Região Autónoma dos Açores.

Esta atualização consiste na subida em dois cêntimos por litro no preço máximo das gasolinas 95 e 98 e dos gasóleos rodoviário, agrícola e pescas e de um cêntimo por quilo no preço do gás.

De salientar que o preço máximo de todos os combustíveis mantém-se dentro dos limites definidos pelo Governo dos Açores como diferença mínima para os preços em vigor no continente português.

Assim, no caso das gasolinas 95 e 98 a diferença nos preços máximos por litro praticados nos Açores em relação ao mercado nacional é de menos 13 e 12 por cento respetivamente. O gasóleo rodoviário tem, nos Açores, um preço máximo por litro inferior em 13 por cento em relação ao praticado no mercado nacional.

Os gasóleos agrícola e pescas têm um preço máximo por litro, nos Açores, inferior em 23 por cento em relação ao registado no continente.

Em relação ao gás doméstico, a diferença entre os preços máximos por quilo praticados nos Açores e os preços praticados no continente é de menos 31 por cento. No caso do fuel a diferença de preço entre os Açores e o continente é de menos 24 por cento por quilo.

Em relação à Região Autónoma da Madeira, os preços máximos praticados nos Açores são inferiores em menos 14 por cento para a gasolina 95, e em menos 16 por cento para a gasolina 98.

No que respeita ao gasóleo rodoviário, a diferença entre o preço máximo por litro praticado nos Açores e o preço registado na Madeira é de menos 8 por cento, enquanto no gasóleo agrícola o preço máximo por litro nos Açores é inferior ao daquela Região Autónoma em menos 16 por cento.

Os novos preços entram em vigor às 00h00 de quarta-feira.



GaCS
Publicado por: Jorge Gonçalves

domingo, 12 de agosto de 2012

Actividade sísmica na Graciosa acima do normal

A actividade sísmica a sudoeste da Graciosa tem estado "ligeiramente acima dos valores de referência" nos últimos dois dias, mas com "tendência para decrescer", disse este domingo João Luís Gaspar, do Centro de Vigilância e Informação Sismovulcânica dos Açores (CIVISA).


O especialista disse que "nos últimos dois dias, foram registados alguns microssismos", mas são "sismos de baixa magnitude e nenhum sentido pela população".

João Luís Gaspar acrescentou, no entanto, que a actividade sísmica tem estado a diminuir nas últimas horas, referindo que a situação vai continuar a ser "acompanhada nas próximas horas, para ver se mantém a tendência decrescente".

O especialista do CIVISA sublinhou que "são normais" este tipo de fenómenos naquela zona, lembrando que "no início do ano também foi registada alguma actividade acima do normal a sudoeste, no mar".



Fonte: CM
Publicado por: Jorge Gonçalves

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Presidente do Governo diz que a Região afirma-se como pioneira no aproveitamento das energias renováveis


A assinatura do “Master Agreement” entre a EDA e a Younicos “é mais um passo no sentido da afirmação dos Açores como região pioneira no aproveitamento das energias renováveis e na utilização das mais modernas tecnologias disponíveis para maximizar esse aproveitamento”. Assim considerou Carlos César o acordo hoje assinado entre a empresa elétrica açoriana e a aquela empresa alemã, numa cerimónia à qual presidiu.

A parceria EDA/Younicos incide sobre um projeto, com um investimento inicial de 25 milhões de euros, que vai ser iniciado agora na Graciosa, assente no uso da tecnologia de armazenagem de energia através da utilização de baterias de última geração.

A evolução das baterias nos últimos anos tem sido imensa e têm a vantagem de responder instantaneamente às variações da rede provocada pela intermitência das fontes renováveis de energia e da demanda.

Nesse contexto de procura de soluções para a otimização do uso das energias renováveis, esta parceria tem para o Governo dos Açores três objetivos.

O primeiro é demonstrar a viabilidade, técnica e económica, da utilização de baterias, de grande capacidade de armazenagem de energia, para aumentar a penetração de energia renováveis. Pretende-se com este conjunto de baterias obter uma penetração de renováveis na rede elétrica da ordem dos 70%. Atualmente a Graciosa tem uma penetração de energia renovável da ordem dos 10%, dependente apenas da energia eólica.

Um segundo objetivo é o de demonstrar, igualmente, a viabilidade da utilização de baterias na estabilização da rede não só devido à intermitência das fontes de energias renováveis, como também devido às oscilações da procura.

 Um último objetivo que é o de provar que nos Açores, e especialmente na Graciosa, é viável economicamente obter níveis de penetração de energias renováveis na rede elétrica da ordem dos 70% a partir da energia do vento e do sol.

Carlos César defende que, no futuro, “deveremos estar atentos a estes resultados e certamente tiraremos as lições adequadas para, em caso de sucesso, replicar esta experiência em outras ilhas”.

O Governo dos Açores, na sua qualidade de responsável pelos licenciamentos deste tipo de instalações, cumpridas as devidas formalidades legais, irá atribuir as respetivas licenças de estabelecimento e exploração, garantindo aos seus promotores o tempo necessário para a recuperação do seu investimento e para a demonstração da sua viabilidade. Por outro lado, também a APIA está a analisar o apoio a este projeto, através da atribuição de um incentivo financeiro.

Dado que este projeto incide no lado da oferta, procurando diminuir ao mínimo a energia com origem termoelétrica na Graciosa, o Governo dos Açores admite vir a associar, posteriormente, ações específicas na área da procura, por forma a contribuir para uma maior utilização da eletricidade nos momentos mais adequados, quando se encontrarem disponíveis vento ou sol em abundância, e uma redução do consumo quando esses recursos não existirem ou existirem com menor intensidade.

Para isso, será de esperar o contributo de um outro projeto que se encontra em preparação para a ilha do Corvo – o Corvo Renovável – numa parceria da EDA com o MIT e outras entidades nacionais, para o qual já foi apresentada uma candidatura ao programa Proconvergência, no âmbito do qual serão aprofundada as questões e soluções que se colocam do lado da gestão da procura num sistema isolado.

O Presidente do Governo sustenta que “há um grande potencial de sinergia entre estes dois projetos, o da Graciosa e o do Corvo, pois daquele, e dos resultados que se obtiverem na área do armazenamento em baterias, também poderemos, depois, equacionar a sua replicação no Corvo”.

No restante panorama das energias renováveis nos Açores, hoje, em São Miguel, existem duas centrais geotérmicas com uma potência global de 23 MW, que em 2011 foram responsáveis por 22% da produção de energia elétrica dos Açores. O Governo conta nos próximos anos, não só ampliar a Central Geotérmica do Pico Vermelho, em São Miguel, como também prosseguir com o projeto geotérmico no Pico Alto, na ilha Terceira, de forma a atingir a penetração de 35% da energia elétrica proveniente da geotermia.

O primeiro parque eólico foi construído em Santa Maria em 1988, com uma potência de apenas 240 kW (quilowatts). O Governo conta ter no próximo ano instalado nos Açores uma potência de cerca de 33 MW (megawatts) o que corresponderá a cerca de 10% do total da energia elétrica produzida no arquipélago.

Na Terceira, o Parque eólico da Serra do Cume, recentemente ampliado, de Janeiro a Junho deste ano foi responsável por cerca de 15.5% da produção de energia elétrica produzida naquela ilha.

Carlos César anunciou ainda que “nos próximos três anos teremos em funcionamento duas centrais de incineração de resíduos, uma na Terceira e outra em São Miguel que irão produzir cerca de 8% da energia elétrica dos Açores. Se adicionarmos as potencialidades dos diversos tipos de energia renováveis, e os projetos que estão a ser desenvolvidos, podemos afirmar que a curto prazo teremos a capacidade de ultrapassar os 50% de penetração de energias renováveis na produção de energia elétrica global nos Açores”.

O Presidente do executivo açoriano considera que é preciso “continuar no Governo este percurso realizador e positivo que temos desenvolvido na nossa região, neste como em outros setores estratégicos”.


Anexos:
2012.08.09-PGR-Acordo-EDA-Younicos.mp3


GaCS
Publicado por: Jorge Gonçalves

Programa das Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres 2012


Programa das Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres





08, 09 e 10 de agosto - Quarta, Quinta e Sexta-feira

18:00 – Tríduo Preparatório com o orador Pe. Alexandre Medeiros, que presidirá
as Festividades Religiosas
Local: Igreja da Misericórdia

08 de agosto - Quarta-feira

III Volta à Ilha em Kayak de Mar

21:30 – Inauguração da exposição biográfica de Manuel Machado Ávila
Local: Museu da Graciosa

09 de agosto - Quinta-feira

III Volta à Ilha em Kayak de Mar

18:00 – Prova de Corrico, promovida pelo Clube Naval da Ilha Graciosa
Local: Cais da Barra

21:00 –Abertura da iluminação
21:00 –Rally Paper
Local: Partida da Praça Fontes Pereira de Melo

21:30 – Cerimónia de lançamento do livro "Cantigas da Minha terra", da autoria de José Gabriel Martins
Local: Biblioteca Municipal

22.30 – Atuação do Grupo Folclórico da Casa do Povo de Guadalupe
Local: Palco FILNOR

10 de agosto - Sexta-feira

III Volta à Ilha em Kayak de Mar

17:30 – Inauguração da exposição de escultura "Mistérios em Segredo", de Inês Costa
Local: Átrio da Câmara Municipal

18:00 – Tourada à Corda, com 4 Toiros da Ganadaria Graciosense de José Lúcio Veiga
Local: Rua do Corpo Santo

21:00 – Animação Infantil
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

21:00 – Xadrez nas Festas
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

22:00 – Inauguração da exposição "Graciosa, quietude e pureza", de José Nascimento Fernandes Ávila
Local: na Biblioteca Municipal

22:30 – Atuação da Sociedade Filarmónica União Praiense
Local: Palco FILNOR

Festival Ilha Branca - Palco TMN

Local: Campo de treinos de Santa Cruz

00:30 – Atuação do artista “David Fonseca”


02:30 – Atuação do Dj “James B”

11 de agosto - Sábado

III Volta à Ilha em Kayak de Mar

14:00 – Regatas de Botes a Remo e à Vela, promovidas pelo Clube Naval da Ilha Graciosa
Local: Cais da Barra

Chegada da III Volta à Ilha em Kayak de Mar
Local: Cais da Calheta

15:00 – Trasladação da Imagem do Senhor Santo Cristo dos Milagres, acompanhada pela Filarmónica Recreio dos Artistas, seguida de Eucaristia Solene
Local: da Igreja da Misericórdia para a Igreja Matriz

15:00 – Jogo de Futebol de Veteranos (Clube de Veteranos da Ilha Graciosa - Sport Clube Lusitânia)
Local: Estádio Municipal de Santa Cruz

16:00 – Futsal nas Festas (Grupo Desportivo Mocidade Praiense - Casa de Repouso das Velas)
Local: Pavilhão Municipal

18:00 – Grandiosa Corrida à Portuguesa

Cavaleiros: João Moura, Tiago Pamplona e Miguel Moura
Toiros: 6 de Falé Filipe, adquiridos pela ganadaria graciosense de Valentim Santos
Grupos de Forcados: Tertúlia Tauromáquica Terceirense e Forcados Amadores do Ramo Grande
Banda: Sociedade Filarmónica União Praiense
Local: Praça de Toiros

21:00 – Animação Infantil
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

21:00 – Xadrez nas Festas,
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

22:00 – Atuação da Filarmónica Recreio dos Artistas
Local: Palco FILNOR

23:00 – Atuação da Orquestra da Associação Cultural das Velas
Local: Palco FILNOR

Festival Ilha Branca - Palco TMN

Local: Campo de treinos de Santa Cruz

00.30 – Atuação do Grupo Musical “Santos e Pecadores”


02:30 – Atuação dos Djs “Grouse & Martin”

12 de agosto - Domingo

09:30 - KAYAK MAR - Atividade livre e aberta à população
Local: Cais da Calheta ou Porto da Barra

16:30 – Solene Concelebração, presidida pelo Pe. Alexandre Medeiros
Local: Igreja Matriz

17:30 – Desfile de Filarmónicas - Concentração no Largo Francisco Paula Bettencourt Barcelos
Ordem de Saída:

- Sociedade Filarmónica União Praiense
- Filarmónica União Popular Luzense
- Filarmónica União Progresso de Guadalupe
- Filarmónica Recreio dos Artistas

18:30 – Procissão do Senhor Santo Cristo dos Milagres com o seguinte percurso:

Rua da Matriz
Rua Marquês de Pombal
Rua D. Afonso Henriques
Largo Vasco da Gama
Rua Dr. Manuel Correia Lobão
Rua Comandante Carlos Pereira Vidinha
Rua das Flores
Largo Francisco Paula Bettencourt Barcelos
Rua Conselheiro Jacinto Cândido
Igreja Matriz

21:00 – Animação Infantil
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

21:00 – Xadrez nas Festas
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

21:15 – Atuação do Grupo de Hip Hop Pro-Dance do Clube Desportivo Escolar Ilha Branca
Local: Palco FILNOR

21:30 – Atuação da Orquestra Ligeira do Nordeste
Local: Palco FILNOR

22:30 – Atuação da Filarmónica Popular União Luzense
Local: Palco FILNOR

23:30 – Atuação do fadista Duarte
Local: Palco FILNOR


00:30 – Baile do Emigrante
Local: Graciosa Futebol Clube

Festival Ilha Branca - Palco TMN

Local: Campo de treinos de Santa Cruz

00.30 – Atuação do Grupo Musical “Remote”


02:30 – Atuação do artista "Oskar Dj"

13 de agosto - Segunda-feira

09:30 - KAYAK MAR - Atividade livre e aberta à população
Local: Cais da Calheta ou Porto da Barra

13:00 – Concentração Motard, promovida pelo Motoclub Ilha Graciosa
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

14:00 – Perícia Automóvel da Ilha Graciosa
Local: Rua D. Afonso Henriques

15:30 – Missa Solene
Local: Igreja Matriz

16:30 – Trasladação da Imagem do Senhor Santo Cristo dos Milagres, acompanhada pela Filarmónica Recreio dos Artistas
Local: Igreja Matriz para a Igreja da Misericórdia

18:00 – Grandiosa Corrida à Portuguesa

Cavaleiros: João Moura, Tiago Pamplona e João Pamplona
Toiros: 6 de Rego Botelho
Grupos de Forcados: Tertúlia Tauromáquica Terceirense e Forcados Amadores do Ramo Grande.
Banda: Filarmónica Popular União Luzense
Local: Praça de Toiros

21:00 – Animação Infantil
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

21:30 – "Espetáculo quase espetacular" pelo grupo de artistas Fungis Magic Truxis
Local: Praça Fontes Pereira de Melo


22:30 – Atuação da Banda Progresso do Norte de Rabo de Peixe
Local: Palco FILNOR

Festival Ilha Branca - Palco TMN

Local: Campo de treinos de Santa Cruz

00:30 – Atuação do Grupo Musical “One Vision - Tributo Queen”


02.30 – Atuação do DJ "Jordan M”

14 de agosto - Terça-feira

18:00 – Missa
Local: Igreja da Misericórdia

18:00 – Tourada à Corda com 2 Toiros da Ganadaria Graciosense de Valentim Santos e Dimas Bettencourt e 2 Toiros da Ganadaria Graciosense de Manuel Leonardo Ataíde da Silva
Local: Rua do Corpo Santo

21:00 – Animação Infantil
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

21:30 – "Espetáculo quase espetacular" pelo grupo de artistas Fungis Magic Truxis
Local: Praça Fontes Pereira de Melo

22:30 – Atuação da Filarmónica União Progresso de Guadalupe
Local: Palco FILNOR

23:30 – Atuação da Orquestra Ligeira da Filarmónica Recreio dos Artistas
Local: Palco FILNOR

00:30 – Performances de Fogo pelo grupo de artistas Fungis Magic Truxis
Local: Praça Fontes Pereira de Melo


01:00 – Festa do Encerramento
Local: Graciosa Futebol Clube


Publicado por: Jorge Gonçalves

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Inauguração da exposição “Vida e Obra de Manuel Machado Ávila” no Museu da Graciosa


A Presidência do Governo Regional dos Açores, através da Direção Regional da Cultura, promove a realização da exposição “Vida e Obra de Manuel Machado Ávila, 1916 – 2001”, cuja inauguração terá lugar no dia 8 do corrente mês de agosto, pelas 21h30, no Museu da Graciosa.


Trata-se de uma exposição que visa homenagear Manuel Machado Ávila, que viveu a maior parte da sua vida na ilha Graciosa, onde exerceu as funções de Chefe de Conservação da Delegação da Graciosa das Obras Públicas da Junta Geral do Distrito de Angra do Heroísmo. Nas áreas da Arquitetura, da construção e fiscalização, a obra de Machado Ávila é extensa e múltipla. Experimentou ainda o desenho, a pintura e a escultura, deixando marcas nos muitos projetos que assinou.



A exposição é comissariada por Jorge Cunha, Diretor do Museu da Graciosa, e poderá ser visitada nesta instituição até ao dia 30 de novembro.



GaCS
Publicado por: Jorge Gonçalves