quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Protecção Civil: CHUVA forte nos grupos Central e Oriental


O Serviço Regional de Protecção Civil e Bombeiros dos Açores informa, que segundo o Instituto de Meteorologia uma superfície frontal fria com actividade moderada a forte, deverá provocar um agravamento do estado do tempo nos Grupos Central e Oriental, podendo ocorrer precipitação por vezes forte, assim prevê-se:


Para o Grupo Central:

No período entre as 17:00h de 28/09/2011 e as 00:00h de 29/09/2011:

Precipitação entre 10 e 20 mm/1h com chuva pontualmente FORTE.

Para o Grupo Oriental:

No período entre as 19:00h de 28/09/2011 e as 02:00h de 29/09/2011:

Precipitação entre 10 e 20 mm/1h com chuva pontualmente FORTE.

O SRPCBA recomenda que sejam tomadas as precauções habituais em situações desta natureza.




GaCS

Publicado por: Jorge Goncalves

terça-feira, 27 de setembro de 2011

A soprano Filipa Lã e o pianista Francisco Monteiro apresentam-se em recital no dia 29 de Setembro, no Centro Cultural da Graciosa


A soprano Filipa Lã e o pianista Francisco Monteiro apresentam-se em recital no dia 29 de Setembro, no Centro Cultural da Graciosa, no dia 30, no Teatro Faialense e no dia 1 de Outubro no Teatro Ribeiragrandense, pelas 21h30, no âmbito da Temporada de Música 2011.


Esta iniciativa da Direcção Regional da Cultura assinalará o Dia Mundial da Música, instituído desde 1975 pelo International Music Council, instituição fundada pela UNESCO, com sede em Paris.


Os recitais serão comentados por Francisco Monteiro que tem contribuído significativamente para a divulgação da música contemporânea e dos compositores portugueses.


As obras que constituem o programa foram escritas no século XX e serão interpretadas canções de Eurico Carrapatoso e de António Pinho Vargas, para além do compositor espanhol Manuel de Falla e do compositor russo Dmitri Shostakovich.


As canções serão interpretadas pela soprano Filipa Lã que concluiu o mestrado em Canto no Departamento de Música da Universidade de Sheffield, em Londres, onde actualmente prossegue o seu doutoramento como bolseira da Fundação para a Ciência e Tecnologia. Para além da sua actividade como solista, dedicou-se à investigação do comportamento do aparelho vocal na performance – aplicando os conhecimentos biomédicos e da fisiologia – tema que apresentou em várias conferências nos EUA, Áustria e Reino Unido.


Francisco Monteiro, pianista, compositor e investigador, foi aluno de Helena Sá e Costa e é doutorado em Música Contemporânea pela Universidade de Sheffield, Londres. Actualmente é professor no Instituto Politécnico do Porto.


A Temporada de Música 2011 é uma iniciativa da Presidência do Governo Regional dos Açores, através da Direcção Regional da Cultura. Tem como director artístico Emanuel Frazão e é produzida pela Mala, Cooperativa Cultural, com sede em Ponta Delgada.




GaCS

Publicado por: Jorge Gonçalves

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Dia Mundial do Turismo assinalado na Graciosa


No âmbito das comemorações do Dia Mundial de Turismo, que este ano, decorrem sob o tema “Turismo – Unir Culturas”, a Secretaria Regional da Economia vai desenvolver em todas as ilhas um conjunto diverso de actividades dirigidas especialmente aos turistas.


Assim, com vista a assinalar este Dia quer junto dos nossos visitantes, quer de todos quantos cheguem amanhã aos Açores, estas actividades foram pensadas e escolhidas em função dos fluxos turísticos e adaptadas às particularidades de cada ilha.


Desta forma., em todas as ilhas serão oferecidas peças de artesanato a todos os hóspedes que se encontrem em unidades de alojamento turístico locais enquanto que nas delegações e postos de turismo serão oferecidos aos turistas provas de produtos regionais.


Está também prevista, em diversas ilhas, a realização de acções de animação de rua, nomeadamente passeios turísticos, enquanto que nos aeroportos serão distribuídas ofertas aos passageiros, à chegada dos voos do exterior.


Na mensagem comemorativa deste Dia, consagrado universalmente ao dia 27 de Setembro, o Secretário Geral da OMT – Organização Mundial de Turismo, destaca o papel do Turismo a Unir Culturas, “demolindo barreiras culturais e promovendo a tolerância, o respeito e a compreensão mútua, tendo em conta que num mundo frequentemente dividido, este valores representam os alicerces para um futuro mais tranquilo”.




GaCS

Publicado por: Jorge Gonçalves

Protecção Civil: chuva forte, vento e trovoadas em todo o arquipélago


O Serviço Regional de Protecção Civil e Bombeiros dos Açores informa que, segundo o Instituto de Meteorologia, e na sequência do aviso anterior, está previsto:


Para o Grupo Oriental, no período entre as 13:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011:

Precipitação Forte;

Condições favoráveis à ocorrência de trovoadas frequentes e dispersas;

No período entre as 23:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011:

Vento Forte, com rajadas até 85km/h direção Sul/Sudoeste;


Para o Grupo Central, no período entre as 13:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011:

Precipitação Forte;

No período entre as 18:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011;

Condições favoráveis à ocorrência de trovoadas frequentes e dispersas;


Para o Grupo Ocidental, no período entre as 22:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011:

Precipitação Forte;

Condições favoráveis à ocorrência de trovoadas frequentes e dispersas;

O SRPCBA recomenda que sejam tomadas as precauções habituais em situações desta natureza.

Mais informação em, www.azores.gov.pt/Portal/pt/entidades/srcte-srpcba.



GaCS

Publicado por: Jorge Gonçalves

domingo, 25 de setembro de 2011

Protecção Civil: chuva forte e trovoadas


O Serviço Regional de Protecção Civil e Bombeiros dos Açores informa que, segundo o Instituto de Meteorologia, uma depressão centrada a Sudoeste do Arquipélago, em fase de cavamento, movendo-se em direcção a Nordeste, irá agravar a partir da tarde de amanhã, segunda-feira, dia 26 de Setembro, o estado do tempo nos Grupos Central e Oriental, provocando precipitação forte e trovoadas.


Assim, prevê-se:

Para o Grupo Oriental:

No período entre as 12:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011: Períodos de chuva ou aguaceiros fortes;

No período entre as 18:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011: Trovoadas frequentes e dispersas;

No período entre as 23:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011: vento com direcção sul/sudoeste com velocidade média entre 65 a 74 km/h.

Para o Grupo Central:

No período entre as 12:00h de 26/09/2011 e as 12:00h de 27/09/2011: Períodos de chuva ou aguaceiros fortes.



GaCS

Publicado por: Jorge Gonçalves

sábado, 24 de setembro de 2011

Carlos César faz balanço muito positivo da visita do Presidente da República às cinco Ilhas da Coesão


O Presidente do Governo dos Açores disse ontem, na Fajã Grande – no fecho da visita do Presidente da República às cinco Ilhas da Coesão – que a passagem de Cavaco Silva por Santa Maria, Graciosa, São Jorge, Flores e Corvo tinha corrido muito bem.

“É verdade que, pelo formato utilizado, não proporcionou uma maior proximidade com as pessoas, com as empresas, com as dificuldades da nossa economia, e também com os seus sucessos, mas, ainda assim, foi uma boa oportunidade de o Presidente da República se aperceber do trabalho que estamos a fazer.”

Revelando ter gostado muito de verificar que Cavaco Silva considerou as políticas de desenvolvimento adoptadas pelo Governo Regional nas Ilhas da Coesão como correctas e a surtir efeitos, Carlos César disse ter sentido isso como um encorajamento.

O Presidente do Governo dos Açores recusou, por outro lado, a ideia de haver “uma tensão especial” com o Presidente da República, assegurando que sempre teve o comportamento de elogiar aqueles que estão a favor dos Açores e de criticar aqueles que considera não estarem a ajudar o desenvolvimento dos Açores ou a estimularem uma incompreensão.

“Durante a discussão do Estatuto fui claro nessa matéria. Entendi que o Presidente da República estava a estimular um sentimento nacional contra as autonomias e contra os Açores em particular”, sublinhou, para logo acrescentar que, se fez essa denúncia na altura, voltaria a fazê-la hoje se essa discussão se repetisse.

Reafirmando que a visita do Presidente da República foi muito positiva, disse ter considerado que “estava muito bem posicionada esta ideia do Presidente da República de focalizar a sua atenção nas Ilhas da Coesão e, aliás, quando me disseram que ia a Ponta Delgada, até pensei que era Ponta Delgada aqui das Flores.”

Dos Açores, Cavaco Silva levará, na opinião de Carlos César, a mensagem clara de que “nós fazemos um grande esforço para desenvolver harmoniosamente os Açores, de que nós gerimos as nossas finanças públicas com grande sentido de rigor, de que nós não fazemos mais porque não temos mais dinheiro, ou seja, que nós adoptamos aquele velho princípio das famílias açorianas de só comprarmos o que podemos pagar.”

Para o Presidente do Governo dos Açores, “isso é algo que abona os Açores e que na actualidade portuguesa é, aliás, uma circunstância não muito frequente.”


GaCS

Publicado por: Jorge Gonçalves

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Museu da Graciosa adere às Jornadas Europeias do Património


Nos dias 23, 24 e 25 de Setembro comemoram-se, por toda a Europa, as Jornadas Europeias do Património, iniciativa promovida pela UNESCO que visa despertar nos cidadãos uma maior consciência pelo valor do património local construído. Este ano as Jornadas têm como tema: “O Património e Paisagem Urbana”.


Neste sentido, a Presidência do Governo Regional dos Açores, através da Direcção Regional da Cultura, assinalará a relevância do património regional através de actividades que os Museus dos Açores desenvolverão nos dias 23, 24 e 25 de Setembro.

Na ilha de S. Miguel, o Museu Carlos Machado, inaugura no dia 23 de Setembro, uma mostra fotográfica intitulada “A Cidade Visível”, no dia 24 será efectuada uma visita comentada à cidade de Ponta Delgada, com início pelas 11h30 e partida do Museu Carlos Machado e pelas 17h30 será possível assistir a uma sessão sobre o tema “A Cidade (In)visível”, sobre o património e urbanismo, na igreja de Santa Bárbara. Paralelamente, o Museu Carlos Machado, preparou para os mais novos um atelier “A Cidade Ideal”, que terá lugar, no dia 24, pelas 11h00, no Núcleo de Santa Bárbara.

Na ilha Terceira, o Museu de Angra do Heroísmo, promoverá, no dia 24 de Setembro, a actividade ”Paisagem Urbana na ilha Terceira: o Porquê do Assim”, que consiste na realização de um percurso guiado pelas principais tipos de paisagem urbana da ilha Terceira, com partida de Angra, pelas 14h00. A visita culminará com um jantar volante nos claustros do Museu de Angra, seguido de uma mostra de mapas actuais e antigos da ilha Terceira.

O Museu da Graciosa organizou uma visita orientada ao Património Baleeiro da Vila de Santa Cruz da Graciosa, destinada aos alunos do 3º. Ciclo da Escola Básica e Secundária da Graciosa, no dia 23 de Setembro.

Na ilha do Pico, o Museu do Pico promoveu, no dia 23 de Setembro, actividades nos três concelhos da ilha, em parceria com as escolas, que incluíram visitas ao património industrial baleeiro (Museu de Indústria Baleeira, S. Roque), ao núcleo de construção do bote baleeiro açoriano (Museu dos Baleeiros, Lajes) e ao património rural relacionado com a vinha e o vinho, na sua relação com a arquitectura (Museu do Vinho, Madalena).

O Museu das Flores, em parceria com a delegação da Secretaria da Economia e Adeliaçor, Associação de Desenvolvimento Local, realizará um roteiro pela faina baleeira ao longo do dia 25 de Setembro, do qual consta uma visita à fábrica da baleia, do Boqueirão, fábrica da baleia das Lajes, porto da Fajã Grande e Fajãzinha. Em colaboração com o Instituto Açoriano de Cultura, o Museu das Flores, inaugurará também a exposição de fotografia “Aproximações”, de Jorge Barros.

A informação sobre as actividades dos Museus dos Açores, no âmbito das Jornadas Europeias do Património, poderá ser obtida através do site http://cca-testes.culturacores.azores.gov.pt.



GaCS

Publicado por: Jorge Gonçalves

Escola Básica e Secundária da Graciosa associa-se às comemorações do Dia Europeu das Línguas


Nove escolas de sete ilhas do arquipélago aceitaram o desafio lançado pelo Governo dos Açores, através do Gabinete do Subsecretário Regional dos Assuntos Europeus e Cooperação Externa, para se associarem às comemorações do Dia Europeu das Línguas, que se assinala no próximo dia 26 de Setembro.

Centenas de alunos da Escola Básica Integrada do Corvo, Escola Básica e Secundária das Flores, Escola Básica e Secundária da Madalena, Escola Básica e Secundária da Calheta (São Jorge), Escola Básica e Secundária da Graciosa, Escola Secundária Vitorino Nemésio (Praia da Vitória), Escola Básica Integrada dos Biscoitos, Escola Secundária da Lagoa e Escola Básica e Secundária da Povoação vão assim participar num “Peddy Paper das Línguas” que será dinamizado pelos departamentos de línguas destes estabelecimentos de ensino com o objectivo de assinalar a data e de promover uma maior proximidade da juventude em relação ao tema.

O dia 26 de Setembro de 2011 marca o 10º aniversário do Dia Europeu das Línguas e tem como objectivos promover a compreensão acerca da importância da aprendizagem das línguas e do multilinguismo, sensibilizando os cidadãos para a riqueza da diversidade cultural das línguas faladas na Europa e fomentando a aprendizagem ao longo da vida, dentro e fora da escola.


GaCS

Publicado por: Jorge Gonçalves

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

O Presidente da República dedica hoje o segundo dia da visita aos Açores à ilha Graciosa, com um encontro com o Governo Regional na agenda


Depois de ter passado a terça-feira na ilha de Santa Maria, a primeira paragem de uma visita ao arquipélago dos Açores que se prolonga até sábado, o chefe de Estado inicia hoje o dia com uma recepção na Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa. Dali, a comitiva presidencial irá passar pela Igreja Matriz e para o Museu da Graciosa, seguindo para a Estação de Monitorização e Detecção de Ensaios Nucleares.

A seguir ao almoço, que irá decorrer na Quinta dos Grotas, Cavaco Silva tem, às 15h30, uma reunião com o Governo Regional dos Açores, presidido pelo socialista Carlos César, e com quem chegou viver momentos de maior tensão aquando do duplo veto presidencial ao Estatuto Político-Administrativo dos Açores.Na terça-feira, em declarações aos jornalistas, Carlos César negou a existência de qualquer conflito com o Presidente da República, embora tenha admitido que apesar de já ter “perdoado” esse duplo veto ainda não o esqueceu. “É sempre bem-vindo quem vem por bem”, garantiu ainda Carlos César, repetindo uma frase dita ainda antes do início da visita de Cavaco Silva aos Açores, à qual o presidente do Governo Regional dos Açores não atribuiu grande importância, considerando tratar-se de uma deslocação de representação.Após o encontro com o Governo Regional dos Açores, Cavaco Silva aproveitará o resto da tarde para visitar alguns dos pontos mais turísticos da ilha Graciosa, como as Termas de Carapacho, a Furna de Enxofre e a Ponta da Barca, de onde se pode avistar o ilhéu da Baleia. Depois da Graciosa, o Presidente da República irá ainda passar pelas ilhas de São Jorge, Flores e Corvo, cumprindo um compromisso assumido em 2007, quando visitou pela primeira vez os Açores enquanto chefe de Estado, de se deslocar a todas as ilhas do arquipélago dos Açores. No sábado, Cavaco Silva irá ainda visitar a ilha de São Miguel.

Fonte: Publico
Publicado por: Jorge Gonçalves


sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Cavaco Silva visita a Graciosa e mais quatro ilhas dos Açores entre 20 e 24 de setembro


O Presidente da República vai deslocar-se aos Açores entre 20 e 24 de setembro, passando pelas cinco ilhas que ficaram de fora do programa da visita que efetuou ao arquipélago em 2007, disse à Lusa fonte da Presidência.

Assim, entre terça-feira e sábado da próxima semana, o chefe de Estado, Aníbal Cavaco Silva, irá deslocar-se às ilhas de Santa Maria, Graciosa, São Jorge, Corvo e Flores.

Segundo a fonte da Presidência da República, o programa da visita irá terminar na ilha de São Miguel, a única ilha que irá agora ser visitada por Cavaco Silva que também esteve incluída no programa da deslocação à região autónoma dos Açores, em outubro de 2007.

Nessa altura, além de São Miguel, Cavaco Silva visitou as ilhas Terceira, Pico e Faial, tendo feito a promessa de voltar ao arquipélago para visitar as restantes cinco ilhas da região autónoma dos Açores.


Agenda do Presidente na Ilha Graciosa:

O Presidente da República chega à Graciosa da parte da tarde do dia 20 de Setembro. No dia seguinte, após uma receção na Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, o chefe de Estado irá visitar a Igreja Matriz, o Museu da Graciosa e a Estação de Monitorização de Ensaios Nucleares. Após o almoço, que será oferecido pelo presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, o chefe de Estado terá um encontro com o Governo Regional dos Açores, visitando depois as Termas do Carapacho e a Furna do Enxofre (Caldeira), já ao final da tarde.

Fonte: RTP

Publicado por: Jorge Gonçalves

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Disponível gabinete de atendimento da Inspecção Regional das Actividades Económicas


Já está disponível o gabinete de atendimento da Inspecção Regional das Actividades Económicas (IRAE) destinado a esclarecer cada vez mais os agentes económicos da Região e os cidadãos em geral.

O gabinete de atendimento funciona nas instalações da IRAE, na Rua Margarida de Chaves, n.º 103 – 1º piso, em Ponta Delgada, e tem como objectivos prestar um serviço de informação e de aconselhamento gratuito em áreas tão diversificadas, como a segurança alimentar, livro de reclamações, fixação de preços, garantias e obrigatoriedade de inscrição dos estabelecimentos comerciais.

Encontra-se, igualmente, disponível o endereço electrónico: Gabinete.atendimento.irae@azores.gov.pt para eventuais esclarecimentos, informação ou aconselhamento, podendo ainda este gabinete ser contactado via telefone, através do número: 296 302 270 .

A IRAE tem como missão velar pelo cumprimento de todas as normas que disciplinam o exercício das actividades económicas, nos sectores alimentar e não alimentar.


GaCS/SM
Publicado por: Jorge Gonçalves

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Hospitais e Centros de Saúde ultimam prescrição electrónica







A Secretaria Regional da Saúde reforçou hoje as orientações aos Hospitais e Centros de Saúde para que tenham em funcionamento a prescrição electrónica de medicamentos no dia 1 de Outubro, de modo a que todos os prestadores tanto públicos como privados iniciem na mesma data o receituário electrónico.

Para esse efeito, nos hospitais de Angra e Ponta Delgada está a ser instalado software certificado cujo fornecedor é a empresa Glintt, HS e na Horta o SAM (Sistema de Apoio ao Médico, da ACSS). Nos Centros de saúde vai ser instalada a área de prescrição do Medicine One.

Atendendo às inúmeras vantagens da prescrição electrónica e à rapidez da instalação, a Saudaçor avançou para a aquisição destas aplicações de modo a cumprir o prazo estabelecido. Presentemente, a Saudaçor está a proceder a testes de validação do SISARD que já foi entregue, sem o módulo da prescrição electrónica, de modo a decidir sobre a aceitação do produto.

Foram também dadas indicações para que os centros de saúde procedam a uma revisão dos dados dos utentes inscritos de modo a que as comparticipações dos medicamentos sejam garantidas junto das farmácias.

Com a entrada em vigor da Prescrição Electrónica dos Medicamentos, a 1 de Outubro, os utentes do Serviço Regional de Saúde passam a ser reconhecidos automaticamente na base de dados do Serviço Nacional de Saúde.


GaCS/RC

Publicado por: Jorge Gonçalves

Preço máximo de venda dos combustíveis actualizado nos Açores







As alterações registadas no preço do petróleo, durante as últimas semanas, nos mercados internacionais, vão levar a uma actualização do preço máximo de venda dos combustíveis na Região Autónoma dos Açores.

Esta actualização consiste no aumento em dois cêntimos por litro no preço máximo dos combustíveis, à excepção do gás para consumo doméstico e do fuel que mantêm o preço actualmente em vigor.

De salientar que o preço máximo de todos os combustíveis mantém-se dentro dos limites definidos pelo Governo dos Açores como diferença mínima para os preços em vigor no continente português.

Assim, no caso das gasolinas 95 e 98, a diferença nos preços máximos por litro praticados nos Açores em relação ao mercado nacional é de menos 12 por cento. No caso do Gasóleo Rodoviário, essa diferença é de menos 11 por cento em relação ao preço verificado no mercado nacional.

Os gasóleos agrícola e pescas têm um preço máximo por litro, nos Açores, inferior em 22 por cento ao registado no continente.

Em relação ao gás doméstico, a diferença entre os preços máximos por quilo praticados nos Açores e os preços praticados no continente é de menos 31 por cento.

No caso do fuel a diferença de preço entre os Açores e o continente é de menos 22 por cento.

Em relação à Região Autónoma da Madeira, os preços máximos praticados nos Açores são inferiores em menos 3 por cento para a gasolina 95, e em menos 8 por cento para a gasolina 98.

No que respeita ao gasóleo rodoviário, a diferença entre o preço máximo por litro praticado nos Açores e o preço registado na Madeira é de menos 1 por cento, enquanto no gasóleo agrícola o preço máximo por litro nos Açores é inferior ao daquela Região Autónoma em menos 11 por cento.

Os novos preços entram em vigor às 00h00 desta quarta-feira.


GaCS/NM

Publicado por: Jorge Gonçalves

Governo dos Açores reitera aposta na qualificação profissional







O Governo dos Açores vai divulgar, nos próximos dias, o estudo completo efectuado pelo executivo, através do Observatório do Emprego e Formação Profissional, com a Universidade dos Açores, sobre o perfil dos jovens académicos da Região.

O anúncio foi feito hoje pelo Director Regional do Trabalho, Qualificação Profissional e Defesa do Consumidor durante assinatura de dois protocolos de cooperação entre a Secretaria Regional do Trabalho e Solidariedade Social e a Universidade dos Açores para a Reconversão Profissional de Licenciados e Qualificação de Jovens com o 12º ano.

Falando durante a assinatura daqueles dois protocolos, Rui Bettencourt disse mesmo que entre todas as regiões e países europeus, os Açores são os únicos que detêm um perfil exacto dos seus jovens académicos, “das suas dificuldades, dos seus desejos e aspirações, da sua origem, dos cursos que estão a terminar, das carreiras que desejam começar, e ajustamos, assim, as nossas medidas a esta realidade que observamos e monitorizamos”.

De acordo com o Director Regional, também, as estratégias governamentais para a vida activa levam a que “a esmagadora maioria dos nossos jovens licenciados tenha um primeiro contacto com o mundo do trabalho através do Estagiar, e que, como foi verificado pelo Observatório do Emprego, sejam os estágios a primeira opção para o empresário que quer recrutar”.

“Actualmente, em plena crise, 48% dos estagiários são recrutados no dia seguinte ao do final do estágio e perto de 70% seis meses depois. Mais de 450 licenciados e mestres foram assim recrutados ao longo dos últimos 12 meses”, acrescentou Rui Bettencourt, realçando ainda que após “a forte intervenção que temos tido no ensino profissional, chegou a hora de também nos preocuparmos com os cursos médios”.

A propósito, o Director Regional afirmou que a Comissão Europeia também aponta para um aumento de 430.000 postos de trabalho para quadros técnicos médios. Assim, estes protocolos, segundo Rui Bettencourt, visam, igualmente, “o encaminhamento de jovens desempregados com o 12º ano para cursos de especialização tecnológica. Está abrangida a quase totalidade dos desempregados licenciados e dos jovens com o 12º ano que são acompanhados nas Agências para a Qualificação e Emprego, os quais podem ser encaminhados para pós-graduações e mestrados, e ou cursos de especialização tecnológica em Ponta Delgada, Angra do Heroísmo e Horta”.

Uma outra vertente considerada pelo Director Regional de “importante” é a preparação dos jovens açorianos para a mobilidade profissional, através dos programas europeus de mobilidade, como o Eurodisseia, da Assembleia das Regiões da Europa, a que os Açores presidem, e no âmbito do qual se encontram neste momento a estagiar mais de 60 açorianos, sendo que nos últimos quinze anos perto de mil açorianos utilizaram o Eurodisseia para consolidarem a sua formação.

“Também para os açorianos que pretendam uma experiência europeia na rede EURES, do European Employement System – que abrange toda a Europa com mais de um milhão de ofertas de emprego e mais de 25.000 empregadores –, os nossos conselheiros, pertencendo a uma rede de mais de 700 conselheiros europeus, passam, com este protocolo, a poder encaminhar para formação prévia, em línguas europeias, aqueles que desejem ver reforçados os seus conhecimentos antes de partir”, realçou.

Para Rui Bettencourt, com esta “maior aproximação” entre o Governo dos Açores, a Universidade e as empresas regionais, reforçam-se assim “oportunidades para os nossos jovens construírem um futuro que será, certamente, de muito trabalho, mas que se apresenta cada vez mais promissor.”




GaCS/SM

Pulicado por: Jorge Gonçalves

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Preço máximo de venda dos combustíveis actualizado nos Açores (rectificada)






As alterações registadas no preço do petróleo, durante as últimas semanas, nos mercados internacionais, vão levar a uma actualização do preço máximo de venda dos combustíveis na Região Autónoma dos Açores.

Esta actualização consiste na diminuição em dois cêntimos por quilo no preço máximo do fuel, mantendo-se o preço dos restantes combustíveis inalterado.

De salientar que o preço máximo de todos os combustíveis mantém-se dentro dos limites definidos pelo Governo dos Açores como diferença mínima para os preços em vigor no continente português.

Assim, no caso das gasolinas 95 e 98, a diferença nos preços máximos por litro praticados nos Açores em relação ao mercado nacional é de menos 12 por cento. No caso do Gasóleo Rodoviário, essa diferença é igualmente de menos 11 por cento em relação ao preço verificado no mercado nacional.

Os gasóleos agrícola e pescas têm um preço máximo por litro, nos Açores, inferior em 22 por cento ao registado no continente.

Em relação ao gás doméstico, a diferença entre os preços máximos por quilo praticados nos Açores e os preços praticados no continente é de menos 31 por cento.

No caso do fuel a diferença de preço entre os Açores e o continente é de menos 21 por cento.

Em relação à Região Autónoma da Madeira, os preços máximos praticados nos Açores são inferiores em menos 4 por cento para a gasolina 95, e em menos 9 por cento para a gasolina 98.

No que respeita ao gasóleo rodoviário, a diferença entre o preço máximo por litro praticado nos Açores e o preço registado na Madeira é de menos 3 por cento, enquanto no gasóleo agrícola o preço máximo por litro nos Açores é inferior ao daquela Região Autónoma em menos 13 por cento.

Os novos preços entram em vigor às 00h00 desta sexta feira.



GaCS/NM

Publicado por: Jorge Gonçalves